Morador é multado em R$ 3 mil por maus-tratos a potro em Presidente Prudente, SP

Morador é multado em R$ 3 mil por maus-tratos a potro em Presidente Prudente, SP
Equino que estava debilitado, caiu ao solo e não se levantou mais, apontou policiamento rodoviário. Foto: Polícia Militar Ambiental

Um morador do Jardim Marisa, em Presidente Prudente, 38 anos, tutor de três equinos, foi autuado pela Polícia Militar Ambiental, nesta quarta-feira, em R$ 3 mil, por maus-tratos a um potro. Os animais foram encontrados soltos em uma via pública no Jardim Santa Mônica, por uma equipe do Corpo de Bombeiros, que os conteve até a chegada do policiamento ambiental, bem como de representantes da UVZ (Unidade de Vigilância de Zoonoses), antigo CCZ (Centro de Controle de Zoonoses).

“Um deles, um potro, estava bem debilitado e caiu ao solo e não se levantou mais. O animal estava machucado e desidratado, o que foi atestado por uma médica veterinária da UVZ”, explica a Polícia Ambiental. Frisa que os animais foram recolhidos e encaminhados para atendimento na sede da unidade de vigilância, enquanto o policiamento partiu em busca do responsável pelos equinos, que negou que seus animais estavam em situação de maus-tratos.

“Diante dos fatos e com base na constatação de maus-tratos da médica veterinária do UVZ, foi elaborado em desfavor do envolvido um auto de infração ambiental. A ocorrência será oficiada à Delegacia de Polícia e o envolvido responderá criminalmente pelo ato”, finaliza a Polícia Ambiental.

Por Mellina Dominato

Fonte: O Imparcial Digital