SP capivari saraue dsc 00601

Morador resgata gambá saruê em Capivari (SP); animal vai para mata nativa

Resgate do gambá de orelha branca foi na segunda-feira (9) no Nova Capi. Diretoria de Meio Ambiente lembra que maltratar animais silvestres é crime.

Um morador de Capivari (SP) regatou um gambá de orelha branca no bairro Nova Capi, na segunda-feira (9). O animal foi entregue para a Diretoria de Meio Ambiente e será solto em um lugar seguro e de mata nativa, afastado do ambiente urbano. De acordo com a Prefeitura, matar, perseguir, caçar, maltratar ou ferir animais silvestres é considerado crimes ambientais contra a fauna e podem gerar prisão ou multa.

O animal, conhecido também como saruê, é adaptado ao ambiente urbano, já que encontra comida facilmente. Por ser um animal onívoro, o gambá alimenta-se de raízes, frutas, vermes, insetos, moluscos, anfíbios, pequenas serpentes, lagartos, ovos e até aves. Por isso, tem um papel importante como agente disseminador de sementes e ajuda na recuperação de ambientes degradados.

A Diretoria de Meio Ambiente orienta a população que para evitar que tais animais adentrem residências, é preciso estocar resíduos em locais bem fechados, manter bem armazenados alimentos e rações de animais domésticos e manter ralos tapados. O telefone da Diretoria é 3491-9304.

Fonte: G1

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.