Moradores acreditam que pelo menos 5 gatos de rua foram envenenados em bairro de Vitória, ES

Moradores acreditam que pelo menos 5 gatos de rua foram envenenados em bairro de Vitória, ES
Moradores acreditam que pelo menos 5 gatos de rua foram envenenados em bairro de Vitória — Foto: Reprodução/TV Gazeta

As mortes de pelo menos cinco gatos de rua do bairro Jucutuquara, em Vitória, são investigadas e revoltaram os moradores da região.

VÍDEO: Moradores acreditam que pelo menos 5 gatos de rua foram envenenados em bairro de Vitória

A moradora Iracema tratava dos animais há muito tempo.

“Há dois anos apareceu uma gatinha sozinha, aí eu comecei a dar comida, fiquei com pena. Aí depois vi que ela estava esperando gatinhos, então não pude parar. Depois foram nascendo, continuei alimentando”, disse.

“Há dois anos apareceu uma gatinha sozinha, aí eu comecei a dar comida, fiquei com pena. Aí depois vi que ela estava esperando gatinhos, então não pude parar. Depois foram nascendo, continuei alimentando”, disse.

Desde o último sábado (28), os animais começaram a aparecer mortos. A suspeita é de envenenamento

“Um vizinho me falou ‘vi um gatinho morto’. Aí me despertou. Tá faltando seis e tem um morto. O que aconteceu? Depois de falaram que viram um gatinho se debatendo na rua. Eu falei ‘não é possível’. Tem alguém matando”, contou.

Cinco dos oito gatos que viviam na região apareceram mortos, sem ferimentos. Um sumiu e outro apareceu com um ferimento no rabo.

Iracema até registrou queixa na polícia, principalmente porque não é a primeira vez que isso acontece no bairro.

No começo do ano, dois gatos do professor Fábio Louzada apareceram mortos e um sumiu.

“Um com um tiro de chumbinho na barriga e o outro envenenado. Um terceiro sumiu. A gente sempre soube que gatos morriam, talvez por causas não naturais. Mas o que chamou muita atenção nesse momento foi essa chacina”, explicou Fábio.

Maltratar animais é crime. A lei existe desde 1998 para quem maltrata animais domésticos, silvestres, nativos ou exóticos. Quando é cachorro ou gato, a pena vai de dois a cinco anos de prisão, multa e proibição de guarda.

Na Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales), existe até uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre maus-tratos.

“É inadmissível o nível de crueldade que ainda existe por parte do ser humano para com os animais. Acionamos a polícia para poder verificar as câmeras, para ver se a gente identifica o criminoso que cometeu essa covardia”, disse a deputada estadual Janete de Sá (PMN), presidente da CPI.

Iracema e o Fábio esperam que as mortes dos gatos de Jucutuquara sejam esclarecidas e dizem que animais de rua deveriam ser capturados e castrados, para controlar a população desses bichos.

A Polícia Civil disse que se for confirmado o envenenamento dos gatos, o caso será investigado pela Delegacia Especializada de Proteção ao Meio Ambiente. A população pode ajudar ligando para o Disque Denúncia, no número 181.

O Centro de Vigilância em Saúde de Vitória explicou que só recolhe animais atropelados, doentes, fêmeas no cio e fêmeas com filhotes que estejam agressivas e coloquem em risco as pessoas.

Sobre a castração, a Prefeitura de Vitória abriu cadastramento para fazer 3 mil castrações de cães e gatos de graça.

Moradores acreditam que pelo menos 5 gatos de rua foram envenenados em bairro de Vitória — Foto: Reprodução/TV Gazeta
Moradores acreditam que pelo menos 5 gatos de rua foram envenenados em bairro de Vitória — Foto: Reprodução/TV Gazeta

Linhares

Em Linhares, no Norte do estado, 16 gatos foram encontrados com sinais de envenenamento no bairro Juparanã, em um período de quatro meses.

A Polícia Civil está investigando o caso.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.