Moradores de zona rural de Araras (SP) denunciam abandono de animais nas porteiras de sítios

Moradores de zona rural de Araras (SP) denunciam abandono de animais nas porteiras de sítios
Cães abandonados preocupam moradores na zona rural de Araras — Foto: Reprodução/EPTV

Os moradores dos sítios do bairro São Bento, na zona rural de Araras (SP), estão incomodados com a quantidade de cachorros abandonados no local.

Segundo os moradores, os animais são deixados nas porteiras e, na maioria das vezes, magros e doentes.

VÍDEO: Moradores denunciam abandono de animais da área rural de Araras

A dona de casa Andreza Canteli afirmou que recolhe os cachorros e os coloca em canis improvisados ou até dentro de casa.

“Você vê que está magro por falta de alimentação, às vezes por falta de banho tem pulga, carrapato. A gente pega e começa a dar comida e tem cachorro que a gente já não conseguiu salvar”, disse Andreza.

Fêmeas e filhotes

Algumas das fêmeas já são resgatadas grávidas e, em alguns dias, chegam os filhotes. Uma das cadelas adotadas, a Mona, deu à luz sete filhotes. Apenas dois foram doados e outros cinco ficaram no sítio.

Hoje, Andreza cuida de mais de 20 animais no sítio. “Tem mês que chego a gastar R$ 1.000 por animal. Se for contar só a comida é R$ 400 ou R$ 500”, disse.

Tentativa de doações

No sítio ao lado, a florista Beatriz Zanchettin já recolheu sete cachorros. Três deles precisaram ser levados para a casa na cidade. A moradora afirma que os gastos com os animais aumentaram bastante desde o ano passado.

“A gente ainda acaba falando ‘não quero mais’, mas a hora que aparece eles entram aqui, a gente vê que está desnutrido, vê que está com fome e acaba adotando. Não tem como. Aí você coloca no Facebook, na internet, em tudo, mas ninguém mais quer”, contou.

Falta de educação

Situação em Araras preocupa moradores na área rural — Foto: Reprodução/EPTV
Situação em Araras preocupa moradores na área rural — Foto: Reprodução/EPTV

Para Beatriz, é importante que as pessoas fiquem cientes das necessidades básicas dos animais antes de abandoná-los.

“O povo está perdendo isso, né? Eles não têm mais caráter, eu falo que é uma falta de educação com o bichinho”, disse.

Castração

A Secretaria de Meio Ambiente de Araras informou que o canil recolhe somente animais atropelados ou que estiverem doentes, precisando de cuidados.

A castração é feita somente nos filhotes adotados no canil. No caso da pessoa que não tem condições de pagar, pode se inscrever diretamente no canil e o pedido de castração será avaliado.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.