Moradores denunciam matança de gato doméstico em bairros de Macaúbas, BA

Moradores denunciam matança de gato doméstico em bairros de Macaúbas, BA
Imagem cedida

Segundo moradores da Rua Sr. Do Bonfim e rua Cezar Zama, ambas centro de Macaúbas, está acontecendo naquelas localidades matança de gato doméstico por envenenamento. Segundo consta diversos gatos estão desaparecendo misteriosamente, alguns são encontrados mortos com supostos sinais de ingestão de comida envenenada. Muitos destes gatos não são de rua, são gatos domésticos que se “aventuram”, como todo animal pela vizinhança, visto que os gatos são também animais de hábitos noturnos.

A imagem acima foi cedida por uma dona do animal que está revoltada com a situação, segundo consta as autoridades municipais já têm conhecimento do fato e nada é feito. Mal tratos de animais é prevista pelo Decreto Lei  nº 24.645 de julho de 1934 bem como pela Lei de Crimes Ambientais, esta mais recente ( Nº 9.605 de 1998).

É possível que:

Aqueles (as) que praticam tais crimes fazem isso no “segredo do silêncio”, talvez compartilhe a maldade com um amigo, parente ou vizinho e quem sabe ainda o/a “terrorista”,  e que cristão for talvez ore/reze ao pousar sua carcaça sobre seu leito, quem sabe ainda sem remorsos e não irá se lembrar do que fez e de sua lista de pedido ao Grande Arquiteto do Universo não inclua ai este crime contra uma criatura inocente, que faz parceria  a milênios com o ser humano, bem como o cão e muitas vezes vemos barbáries como estas… E o que esperar se pessoas matam pessoas e não se sentem culpa ou muito menos o “incômodo remorso”!…

Um folheto alertando sobre o assunto, circula a cidade com o seguinte texto, produzidos por moradores e proprietários dos animais mortos, veja:

“Está acontecendo na Rua Senhor do Bonfim, na Rua César Zama e entre outras localidades muitas mortes de gatos através de envenenamento. Por meio dessa imagem gostaria de fazer um apelo para que as pessoas se conscientizem que essa atitude é um crime, e, portanto, precisamos entrar em alerta e exigir que os responsáveis por essa crueldade praticada sejam encontrados e punidos.

Denuncie !!! Sua atitude pode nos levar ao criminoso!”

O blog não consegui manter contato com as autoridades municipais competentes, que neste caso também recai sobre a Secretaria de Meio Ambiente, bem como com o Ministério Público Ambiental, que deve ser acionado pelos moradores.

Fonte: Blog do Alécio Brandão

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.