Morre a cadelinha que foi resgatada 
ao se afogar no rio Camboriú, em SC

Morre a cadelinha que foi resgatada 
ao se afogar no rio Camboriú, em SC

A cadelinha que se afogou no rio Camboriú e foi resgatada pelo grupo de Proteção Ambiental da Guarda Municipal de Balneário Camboriú, na manhã de domingo, não resistiu aos ferimentos e morreu na clínica veterinária Rei da Vila.

A cadela era uma mistura de boxer. Ela tinha cerca de 10 anos e pesava 20 quilos. A peludinha se afogou ao ficar atolada entre o rio e o mangue. Os guardas tiveram trabalho para retirá-la dali.

Ela estava cheia de lama e, por orientação da ONG Viva Bicho, foi levada à clinica Rei da Vila.

Segundo a clínica, ela chegou com hipotermia. Foi aquecida e recebeu os primeiros socorros, mas começou a vomitar lama com sangue e também fez um quadro de fezes líquidas e escuras. Na noite de domingo morreu.

Fonte: Diarinho

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.