De acordo com denúncias, a morte do animal decorrente do estupro ocorreu no domingo (21)

Morte de cadela após suspeita de estupro causa revolta no distrito de Lovat, em Umuarama, PR

Um homem está sendo procurado em Lovat, distrito de Umuarama, suspeito de estuprar uma cadela. A Polícia Militar recebeu denúncias e leitores enviaram para o Portal da Cidade Umuarama imagens do animal morto e com sinais que parecem ser de agressão sexual.

De acordo com as denúncias, a morte do animal decorrente do estupro ocorreu no domingo (21). A cadela era da companheira do acusado, que fugiu antes da chegada dos policiais que foram investigar as denúncias. Moradores do distrito estão indignados com o crime.

A Sociedade de Amparo aos Animais de Umuarama (Saau) também foi avisada do crime, mas não foi até o local já que o animal estava morto. A polícia procura pelo suspeito, cujo apelido foi repassado por vizinhos.

Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos pode resultar em detenção de três meses a um ano, e multa.

Fonte: Portal da Cidade Umuarama

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.