Mulher é presa após cachorro ser resgatado com ferida aberta e necrosada na orelha em Itatinga, SP

Mulher é presa após cachorro ser resgatado com ferida aberta e necrosada na orelha em Itatinga, SP
Animal foi resgatada por médica veterinária, em Itatinga (SP) — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Uma mulher de 49 anos foi presa em flagrante, nesta quinta-feira (21), suspeita de maus-tratos a animais após o cachorro dela ser encontrado com uma ferida na orelha que estava exposta e necrosada, em Itatinga (SP).

De acordo com o boletim de ocorrência, o caso foi denunciado por uma médica veterinária do abrigo municipal. Ela relatou aos policiais que recebeu uma solicitação para atender um cão que estaria com uma ferida próxima à orelha.

A veterinária explicou que imaginou se tratar de um machucado comum, mas se surpreendeu ao verificar o grau da lesão sofrida pelo animal. Ela retirou o cachorro da residência e o levou para o abrigo municipal. Segundo ela, a ferida verificada não chega naquele estado em um curto período.

Policiais civis de Itatinga foram até a casa onde o cachorro era mantido para identificar a tutora. No local, segundo o B.O, a mulher tentou se justificar por não ter tratado do cão.

Ela foi presa em flagrante por maus-tratos a animais e encaminhada para a Delegacia de Polícia de Itatinga, onde aguarda audiência de custódia.

A pena para o crime de maus-tratos a animais é de dois a cinco anos de prisão, além de multa e perda de guarda.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.