Mulher é presa por manter animais acorrentados, sem comida e água em Piracicaba, SP

Mulher é presa por manter animais acorrentados, sem comida e água em Piracicaba, SP
Ocorrência de maus-tratos aconteceu na tarde desta quinta-feira (25) no bairro Vila Cristina, em Piracicaba. (Foto: Divulgação)

Uma mulher foi presa na tarde desta quinta-feira (25) por manter um gato e um cachorro em condições de maus-tratos em sua casa, no bairro Vila Cristina, em Piracicaba. De acordo com informações da Simap (Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente), os animais estavam acorrentados, sem alimentação e água.

Agentes da Guarda Civil de Piracicaba foram até o local após receberem denúncias de vizinhos sobre a situação dos animais. A mulher mora sozinha no imóvel e já tinha passagem pela polícia por tráfico de drogas, segundo a Prefeitura.

Na residência também havia muitas roupas espalhadas pelo chão, além de entulhos, de acordo com relato da ocorrência.

A moradora foi detida e encaminhada para a UPJ (Unidade de Polícia Judiciária). Já os animais foram resgatados, levados para o Departamento de Bem-estar Animal e, depois, vão ser destinados à adoção.

O crime de maus-tratos aos animais prevê pena de até cinco anos de prisão e é inafiançável, ou seja, não admite pagamento de fiança para soltura do preso.

*Com informações da EPTV Campinas

Fonte: A Cidade ON

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.