Mulher que usou fita adesiva para cão parar de latir não perderá a guarda do animal

Mulher que usou fita adesiva para cão parar de latir não perderá a guarda do animal

Por Fernando Moreira

EUA florida cao fita blog tape

Katie Brown foi condenada por crueldade contra animal ao usar fita adesiva ao redor do focinho do seu cão para que ele parasse de latir.

Só que, contrariando grupos de defesa dos animais, a americana de 45 anos manterá a guarda do labrador, segundo decisão da Justiça. O juiz que cuidou do caso justificou a decisão dizendo que não havia outro sinal de abuso do cão.

O incidente ocorreu em novembro do ano passado em South Daytona (Flórida, EUA). Katie disse que só estava fazendo uma brincadeira para divertir o filho. Ela postou no Facebook uma imagem do cão, causando revolta na rede social. Protestos vieram de 44 estados americanos e até da Austrália.

“Isso é o que acontece quando você não se cala”, escreveu a americana na ocasião.

A pena de 60 dias de prisão foi suspensa. Katie ficará 12 meses sob observação judicial, de acordo com o “Metro”.

Fonte: Page not Found / O Globo 

Nota do Olhar Animal: A lei falha lá e falha aqui também, onde não há legislação que impeça que um animal vítima de abusos e maus-tratos seja devolvido a seu algoz. 

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.