ESPANHA carrossel poneis P12 22748 H

Município espanhol acaba com o uso do carrossel de pôneis em festas

Os porta-vozes do movimento Alhaurín Despierta e do partido Equo parabenizam a equipe de governo em nome das organizações, grupos e cidadãos que há anos lutam pelo direito dos animais.

Tradução de Adriana Shinoda

ESPANHA carrossel poneis P12 22748

A notícia publicada pelo departamento de imprensa da Prefeitura de Alhaurín de la Torre quanto ao cancelamento da atração do carrossel de pôneis na feira de San Juan deste ano, apenas algumas semanas após a histórica proposta ter sido novamente rejeitada pela equipe de governo, merece o cumprimento público ao organizador da festa por ter retificado a decisão em atendimento a uma das petições populares mais recorrentes nos últimos anos no município espanhol.

Juan Manuel Mancebo expressou sua “enorme satisfação pelo grande avanço do município em matéria de direito dos animais, colocando-se entre as cidades que proibiram este tipo de espetáculo e que o consideram cruel e vexatório para os animais”.

Para o porta-voz do movimento Alhaurín Despierta e membro do Equo, “é uma vitória para os grupos sociais e cidadãos organizados que atuam dentro e fora das instituições, cobrando dos governos novas formas de convivência e respeito. É também momento de cumprimentar as associações, grupos e todos das proximidades que apoiaram e criaram as petições”.

Lei de convivência entre pessoas e animais

Mancebo anunciou que o movimento Alhaurín Despierta seguirá buscando que estas medidas se reflitam e se consolidem definitivamente nas leis e regulamentos municipais. Ele lembra que segue pendente a elaboração e aprovação da primeira lei de convivência entre pessoas e animais, proposta em 2012 por seu grupo, e também informou que planeja retomá-la contando com a colaboração de todos os grupos, sociedades organizadas e associações do município.

Fonte: El Faro de Málaga

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.