Mutirão de castração atende 600 cães e gatos no distrito de Sertãozinho, SP

Moradores da Granja também serão atendidos; inscrições vão até sexta-feira. Animais devem ter pelo menos 8 meses de vida e estar com vacinação em dia.

Animais domésticos dos moradores de Cruz das Posses, distrito de Sertãozinho (SP), poderão ser castrados gratuitamente em um mutirão que ocorrerá neste sábado (8) e domingo (9) – a Secretaria de Meio Ambiente espera realizar 400 cirurgias nos dois dias. Na segunda-feira (10), outros 200 cães e gatos da Granja também serão castrados e os interessados devem seguir os mesmos procedimentos (veja abaixo). Nesta oportunidade, todos os bichos também serão microchipados.

Podem ser castrados cães e gatos a partir de oito meses de vida e todos devem ser alimentados somente até 4 horas antes do horário agendado para a cirurgia. Além disso, as vacinas devem estar em dia – o cartão de vacinação deve ser apresentado aos veterinários. É importante que o responsável providencie um colar ou uma roupa pós-cirúrgica para evitar que o animal retire os pontos, após a operação.

Para participar da ação, os interessados devem cadastrar o pet até a próxima sexta-feira (7) na subprefeitura de Cruz das Posses, localizada na Rua Tenente Isaías, n.º 872, ou no Centro de Referência de Assistência Social (Cras), que fica na Rua XV de Novembro, n.º 857. Ambos os locais funcionam entre 9h e 17h.

É necessário que o responsável pelo animal tenha 18 anos completos e esteja munido de RG, CPF e comprovante de endereço, para assinar a autorização de cirurgia. O objetivo da ação é controlar a população de animais domésticos, principalmente aqueles que vivem nas ruas. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (16) 3946-7800.

Fonte: G1

Nota do Olhar Animal: Mutirões de castração são sempre uma ação muito bem vinda. Preocupante apenas a restrição a animais com idade inferior a 8 meses, tempo excessivo. O risco de uma prenhez é grande. Como comparação, na capital paulista a prefeitura realiza cirurgia em cães a partir de 2 meses idade.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.