Mutirão de castração atende mais de 600 cães e gatos em Pinhais, PR

Mutirão de castração atende mais de 600 cães e gatos em Pinhais, PR

Entre os dias 26 de fevereiro e 1º de março o Mutirão de Castração atendeu 632 animais entre cães e gatos, de ambos os sexos. A iniciativa da Prefeitura de Pinhais, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, foi direcionada ao público que já havia se cadastrado previamente para realização do procedimento cirúrgico de forma gratuita. No ano passado mais de mil animais foram castrados.

A prefeita Marli Paulino, a vice-prefeita Rosa Maria, o coordenador executivo Luizão Goulart, e a secretária de Meio Ambiente, Rosana Ilhéu; acompanharam a ação que foi muito bem recebida pela população atendida. “Esta é uma ação que acontece no mês de aniversário, mais um presente para a população de Pinhais. O mutirão é umas das contribuições para as ações de guarda responsável, e que também reforça um intenso trabalho que já é realizado pela Secretaria de Meio Ambiente”, ressaltou Marli Paulino.

Victor Augusto dos Santos tinha um cachorro de estimação que acabou falecendo e ao passar por uma das feiras de adoção se encantou pelo Thor que ganhou uma nova casa. “Eu dizia que não teria outro cachorro, mas aí o vi e como a casa estava muito triste resolvi adotar”, conta. Neste caso da adoção nas feiras municipais, a Secretaria de Meio Ambiente garante a castração e o Thor, agora com 6 meses, passou pelo procedimento.

Para que estivessem habilitados a levarem seus animais para a castração, os tutores participaram de uma palestra onde receberam noções do procedimento, cuidados com o pós-operatório e orientações sobre a legislação de proteção e bem estar dos animais. A participação nesta atividade é requisito obrigatório para fazer parte do Projeto Castração. Feita a castração, os animais passaram pelo atendimento pós-cirúrgico e receberam um microchip para alimentar uma base de dados mundial.

Keterine Bazan, moradora do bairro Weissópolis, acompanhou seu amigo, e levaram quatro cachorros resgatados para serem castrados. “Este momento representa a melhoria de vida, não só para os animais, mas também para o cidadão. Os animais estão sofrendo nas ruas e as pessoas não têm consciência da importância da castração, que é uma forma de controle. Agradeço porque muitos falam que ninguém faz nada, mas fazem sim, inclusive têm pessoas que são chamadas e não vêm então cada um tem que fazer sua parte”, declarou Keterine.

Atualização de cadastro

A médica veterinária da Seção de Defesa e Proteção Animal, Solange Marconcin, ressalta que é muito importante que as pessoas cadastradas no Projeto Castração mantenham seus dados atualizados. “Muitos cadastros acabam cancelados, pois não conseguimos localizar as pessoas. Então, é essencial que àqueles que mudaram de telefone e endereço nos informem, para que não percam a oportunidade de participar do projeto”, reforçou Solange.

Ainda sobre o Mutirão a médica veterinária afirma: “Desta forma, reduzimos de maneira significativa e eficaz a fila. Com a redução da demanda conseguiremos diminuir a espera para novos inscritos no projeto, devido ao credenciamento de clínicas veterinárias”, explica Solange Marconcin.

Projeto Castração

Para participar é necessário fazer o cadastro na Secretaria Municipal de Meio Ambiente, levando documentos pessoais, comprovante de renda (renda familiar até 3 salários mínimos) e comprovante de residência, pois o projeto é somente para moradores de Pinhais. Vale destacar que a palestra é um pré-requisito obrigatório, para que o cadastro seja efetivado e o procedimento cirúrgico seja feito. Entre outros temas abordados na palestra é possível compreender a epidemiologia do abandono e a importância de castrar os animais.

Guarda responsável

Essas ações integram o projeto de Guarda Responsável, que entre outras coisas, visa a educação e conscientização dos proprietários, sobre os cuidados necessários ao bem estar de seus bichinhos, além de contribuir para a redução do número de animais nas ruas do município.

Serviço

Mais informações com a Seção de Defesa e Proteção Animal pelo telefone (41) 3912-5705 ou e-mail: [email protected].

Fonte: Prefeitura de Pinhais

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.