Na web, tutora reencontra cachorro resgatado em córrego por bombeiros

Na web, tutora reencontra cachorro resgatado em córrego por bombeiros
Postagem no Facebook fez dona encontrar cachorro perdido em São José. (Foto: Reprodução/Facebook)

Uma família de São José dos Campos (SP) reencontrou, por meio de uma postagem no Facebook do Corpo de Bombeiros, um cachorro que havia sido perdido há três dias. Os donos e o cão ‘Bin Laden’, de dois anos, se reencontraram nesta quinta-feira (1º).

A auxiliar de enfermagem Renata Hipólito contou que o filho dela, de 17 anos, estava passeando com o animal no último domingo (27) na região do Satélite, quando o cachorro escapou.

“Ele puxa muito e acabou fugindo. No que ele escapou, um carro bateu nele e ele saiu disparado. Procuramos muito, mas não encontramos, pensamos que ele não tinha morrido porque não achamos o corpinho. Foi um desespero”, contou Renata, que adotou o cachorro quando ele tinha três meses.

Cão ficou ilhado e precisou ser socorrido pelos bombeiros. (Foto: Divulgação/Bombeiros)
Cão ficou ilhado e precisou ser socorrido pelos
bombeiros. (Foto: Divulgação/Bombeiros)

Para tentar achar ‘Bil Laden’, eles anunciaram uma foto dele nas redes sociais. Algumas pessoas passaram informações que tinham visto o animal, mas quando a família chegava, ele já não estava no local.

“Até um frentista disse que ele tinha passado por lá e brincado, mas não estava mais lá. Sabíamos que íamos chegar até ele, mas já estava demorando muito”, contou.

Até que na noite desta quarta-feira (30), o namorado dela viu uma postagem no Facebook do Corpo de Bombeiros contando sobre o resgate de um cão que estava ilhado no córrego na avenida Jorge Zarur. “Não acreditei, mas na hora que vi a foto já sabia que era o ‘Bin Laden’, coração de mãe não se engana. Na hora já liguei para os bombeiros, que disseram que ele estava na zoonoses e lá já estava fechado”, relembrou.

O reencontro aconteceu na manhã desta quinta-feira (1º). O animal foi levado ao veterinário porque, segundo a dona, ele estava mancando, com as patas assadas de tanto andar. “Agora ele vai ficar descansando, já está aqui dentro de casa e não queremos mais ficar longe dele. Ele faz parte da nossa família”, completou.

Gratidão

A família está agradecida pelos bombeiros terem resgatado e facilitado o reencontro com o cão. Eles pretendem se encontrar com os agentes que fizeram o resgate na próxima terça-feira (6) para agradecer o carinho que tiveram com o bicho.

“Foi bom salva-lo, mas o que mais nos deixou feliz era de saber que ele tinha uma família que era muito apegada a ele. Os pequenos ferimentos vão se curar logo e a nossa missão foi cumprida. É gratificante. Logo vamos nos ver de novo”, disse o subtenente José Carlos Rosa, que atendeu a ocorrência com outros dois bombeiros.

Cão após ser resgatado do córrego a caminho do CCZ. (Foto: Divulgação/Bombeiros)
Cão após ser resgatado do córrego a caminho do CCZ. (Foto: Divulgação/Bombeiros)

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.