Noivo regressa da despedida de solteiro com oito cães que estavam perdidos no mato

Quando Mitchel Craddock foi com os amigos para uma casa no mato, no Tennessee, EUA, nunca imaginou que o seu coração fosse roubado por… uma cadela.

«Na nossa primeira manhã, tínhamos a porta aberta e estávamos a cozinhar bacon. Quando olhámos lá para fora vimos uma cadela ali sentada, toda fofinha, mas não se atrevia a entrar».

eua_tennesse_noivo_cadelaO grupo ‘apaixonou-se’ pela cadela e decidiu chamar-lhe Annie.

«Concluímos que era uma cadela muito pacata e doce, e como tal, deveria ter a sua própria casa onde regressar», mas não havia ninguém nas redondezas.

«Estava muito desidratada e faminta, tudo o que lhe demos, ela engoliu tão depressa quanto pôde».

«Havia um lugar no mato que, se alguma coisa passasse perto, [a cadela] deixava-nos e começava a ladrar toda maluca, ia conferir o local, e depois voltava para nós. Somámos dois mais dois e fomos investigar».

«Havia um buraco enorme no chão (…) e encontrámos os cachorros, que começámos a puxar, um por um: Knox, Bear, Daisy, Gunner, Brimmy, Finn e Rose».

O noivo contou ao WJLA que os ‘durões’ da festa, em vez de celebrarem como se não houvesse amanhã, acabaram por ficar todos dentro de casa a lavar cachorrinhos, que estavam muito sujos.

Os animais já receberam tratamento veterinário e têm todos um novo dono para cuidar deles.

Mantida a grafia lusitana original.

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.