O horror dos matadouros em uma foto sem sangue

O horror dos matadouros em uma foto sem sangue

Por Sarah V Schweig / Tradução Ana Lidia

11 mil em apenas um dia: isso é quantos animais são representados por esta pilha de marcadores auriculares, e quantos são “processados” em algumas das enormes “fazendas” diariamente.

Alemanha Berlim matadouros1

Joanna Lucas, do Peaceful Prairie Sanctuary, postou a assustadora foto em sua página do Facebook para ajudar as pessoas a compreender esse assombroso número: uma foto sem uma gota de sangue.

A assustadora imagem foi tirada por um artista anônimo, com pseudônimo “K49814”, como componente de uma série de fotos intitulada “Respire sem pausa”, exposta na Kehrer Gallery, em Berlim, Alemanha.

“11,000 ear tags”. A haunting image representing the animals killed in a single day at one slaughterhouse — 11,000…

Posted by Joanna Lucas on Friday, September 4, 2015

“10 bilhões de animais morrem anualmente nos Estados Unidos, muitas vezes, com apenas um número, sem nome, servindo como único meio de identificação de que eles são um indivíduo”, contou Susie Coston, diretora do abrigo nacional da Farm Sanctuary, ao The Dodo. “Como objetos inanimados, não lhes é permitido ter nome, o que mostra que eles são alguém, não algo. Na Farm Sanctuary, nós damos nomes a cada um dos membros da nossa família animal.”

Alemanha Berlim matadouros2

As fazendas santuário para animais tentam salvar vidas dos matadouros e permitem que este animais vivam em paz. Aprenda mais sobre como você pode ajudar uma Farm Sanctuary a resgatar animais nos Estados Unidos.

E descubra como você pode cortar a carne de sua dieta.

Fonte: The Dodo 

Nota do Olhar Animal: Lembrando que o consumo de leite e derivados também causa danos terríveis aos animais, um sofrimento ainda mais prolongado. Sugerimos a leitura do artigo ‘O sofrimento das vacas e vitelos, de Sônia T. Felipe. 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.