O lugar favorito de um furão para dormir é em cima de seu irmão gato

O lugar favorito de um furão para dormir é em cima de seu irmão gato
Fotos: Instagram/Ferrecats

Rexie, um gato, e seu irmão Keanu, um furão, se dão muito bem desde que Rexie se juntou à família em fevereiro de 2015.
Os dois vivem em Yekaterinburg, Rússia, com sua mãe, Dasha Minaeva.

russia_lugar_favorito_furao_gato2

Minaeva é tutora de Rexie desde que ele era um filhotinho. Ela o adotou quando alguns amigos tinham gatinhos para dar, e ele era um gato saudável e normal.

russia_lugar_favorito_furao_gato3

Alguns meses depois, entretanto, a vida de Rexiee teve uma virada inesperada e triste.

russia_lugar_favorito_furao_gato4

Quando Minaeva deixou Rexie com familiares para cuidarem dele, ele foi deixado sem supervisão com algumas crianças “que aparentemente não gostavam muito do meu gato”, ela disse ao The Dodo. “Depois de algum tipo de ‘brincadeira’, ele teve sua coluna quebrada. Ele perdeu a habilidade de usar sua parte traseira”.

russia_lugar_favorito_furao_gato5

Apesar de Rexie ficar permanentemente incapaz de usar suas patas traseiras, Minaeva estava determinada a garantir que sua qualidade de vida não fosse afetada. Minaeva levou o gato para fazer fisioterapia, onde ele começou sua reabilitação, aprendendo como se mexer usando somente suas patas dianteiras.

russia_lugar_favorito_furao_gato6

“Quando ele deu seus primeiros passos com somente suas duas patas, isso foi desanimador para ele, provavelmente porque era difícil usar somente duas patas”, ela disse. “Mas com o tempo seus músculos ficaram mais fortes e isso já não era mais um problema. Ele não consegue urinar sozinho então sua bexiga tem que ser esvaziada manualmente”.

russia_lugar_favorito_furao_gato7

Minaeva disse que, apesar dos seus familiares se sentirem culpados pelo que aconteceu com seu gato embaixo do teto deles, já é um pouco tarde demais para Rexie – apesar dele ter conseguido superar seus desafios.

russia_lugar_favorito_furao_gato8

Minaeva já tinha Keanu quando ela levou Rexie para casa. Ela resgatou Keanu, que agora tem quatro anos, de um pet shop, onde ela viu que ele estava em péssimas condições. “Ele estava muito pequeno para sua idade, parcialmente careca”, ela disse. “Eu acho que os funcionários do pet shop não se preocuparam com as condições deste pequeno garoto”.

russia_lugar_favorito_furao_gato9

Hoje, Rexie, que está fazendo dois anos, se comporta como qualquer outro gato, e sua relação com Keanu é especialmente única.

russia_lugar_favorito_furao_gato10

“Keanu é um furão muito sociável e aceitou Rexie sem nenhum problema”, Minaeva disse. “Na realidade, era o furão que perseguia o gato. Agora é o Rexie que está apegado ao Keanu e sempre o procura para brincar”.

russia_lugar_favorito_furao_gato11

Olhando para Keanu hoje, é difícil dizer que ele já foi um animal doente – especialmente quando é hora de brincar de perseguição com Rexie ou se aconchegar ao lado do seu irmão.

russia_lugar_favorito_furao_gato12

Rexie também parece não ter nenhum problema para acompanhar.

russia_lugar_favorito_furao_gato13

Apesar de Minaeva ter comprado uma cadeira de rodas customizada para ajudá-lo a se movimentar, ela disse que, no fim das contas, Rexie prefere usar somente suas patas mesmo.

russia_lugar_favorito_furao_gato14

“Keanu é feliz como a maioria dos furões, e muito curioso”, Minaeva disse. “Rexie é bem tranquilo e preguiçoso, muito amoroso também. Ele simplesmente aproveita a vida da forma como ela é”.

Rexie e Minaeva
Rexie e Minaeva

Você pode acompanhar Rexie e Keanu no Facebook e no Instagram.

russia_lugar_favorito_furao_gato16

E confira este vídeo de dois irmãos passando um tempo de qualidade juntos:

Por Zainab Akande / Tradução de Alice Wehrle Gomide

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.