Um dos animais encontrados pela reportagem em casa de coronel (Foto: Sarah Brito/ACidade ON Campinas)

ONG suspeita que coronel aposentado voltou a acumular animais em Campinas, SP

O coronel aposentado do Exército de 64 anos que foi detido em 2017 por suspeita de maus-tratos a animais voltou a acumular animais em pelo menos duas casas que possui em Campinas. A denúncia é da ONG Projeto Adorável Vira Lata e foi confirmada pela reportagem do ACidadeON Campinas nas últimas duas semanas.

Em duas residências que pertenceriam ao coronel, mas onde ele não mora, há ao menos cinco cachorros. Nas casas também há gatos, mas não foi possível contá-los pois eles ficam trancados dentro dos imóveis. Um terceiro endereço foi visitado – mas estava limpo. Segundo os vizinhos, ele visita os locais frequentemente para alimentar os animais.

Casa do Jardim Guarani (Foto: Sarah Brito)
Casa do Jardim Guarani (Foto: Sarah Brito)

Na primeira casa visitada, no Jardim Guarani, dois cachorros de médio porte estavam na entrada do imóvel. A casa é a mesma da denúncia de 2017 onde 60 animais foram encontrados em situação degradante.

Agora, os dois cachorros não ficam juntos pois, segundo vizinhos, brigam. Por isso, um deles fica no correndo na lateral da casa, onde uma torneira de jardim foi deixada aberta. O animal ficou, pelo menos um dia inteiro, com as patas molhadas por essa razão.

O coronel alimentaria todos os dias os dois, mas eles não recebem outros cuidados além deste, segundo os vizinhos. A casa é fechada e tem monitoramento por vídeo. No dia seguinte, o endereço do Jardim Chapadão – um pequeno rancho com terreno – também foi visitado, mas estava completamente limpo e sem animais.

Casa do Jardim Chapadão (Foto: Sarah Brito)
Casa do Jardim Chapadão (Foto: Sarah Brito)

Nesta quinta-feira (22), a reportagem foi a uma casa do coronel na Vila Industrial. Com janelas fechadas, não foi possível ver os animais, mas sim ouvi-los. Segundo um comerciante, o coronel alimenta os animais todos os dias às 7h30. Ele, que pediu para não ser identificado, diz que há pelo menos três cachorros de pequeno porte no imóvel.

O comerciante acredita que existam mais animais na casa da Vila, além de gatos.

O CASO DO CORONEL

O coronel ficou conhecido na cidade após ser detido em 2017 em um flagrante de maus-tratos em que foram encontrados 60 cães e gatos na casa do Guarani. Isso ocorreu no mês de abril daquele ano e ele também foi detido por agressão a um guarda municipal.

Por causa da denúncia, na época a GM vistoriou outros endereços do coronel. Na casa do Chapadão, ele guardava uma ossada da cães, segundo o Departamento de Proteção e Bem Estar Animal.

Na época, a Justiça também proibiu o militar aposentado de manter animais em um apartamento do Botafogo, com multa de R$ 50 mil por dia, caso a determinação seja descumprida. A reportagem confirmou que no apartamento não há mais animais desde então e o imóvel foi alugado.

O CORONEL

O coronel ou seu advogado não foram localizados pela reportagem para comentar o caso.

Por Sarah Brito

Fonte: A Cidade ON

Protetor não é acumulador: cuidado com essa construção especista!

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.