ONGs repudiam nomeação de defensora de rodeios e competições que maltratam animais como secretária de meio ambiente de Ponta Grossa, PR

ONGs repudiam nomeação de defensora de rodeios e competições que maltratam animais como secretária de meio ambiente de Ponta Grossa, PR
Nova secretária de Meio Ambiente de Ponta Grossa, Carla Martins Kritski, defende o uso de animais como diversão e entretenimento, além de defender práticas de maus-tratos, como rodeios. Grupos de Proteção aos Animais exigem que prefeita Elizabeth Schmidt reconsidere essa nomeação. (Fotos Públicas divulgadas no Instagram)

Os grupos de defensores dos animais e protetores independentes lançaram cartas de repúdio neste final de semana por conta da nomeação de Carla Martins Kritski, como secretária de Meio de Ambiente de Ponta Grossa. Os protetores dos animais pedem que prefeita de Ponta Grossa, Elizabeth Schmidt, reconsidere a nomeação e pense na possibilidade de mudança (exoneração) e escolha alguém que atue na proteção e defesa dos animais.

Durante a campanha, a prefeita assinou um termo junto aos protetores dos animais, de que atuaria pela causa, ou seja, em defesa e proteção dos animais. As ONGs e os protetores dos animais fizeram uma abaixo assinado pedindo a exoneração da secretária defensora de rodeios. Para assinar, clique no link: https://chng.it/fqx7szkdS2

O problema é que Carla Martins Kritski, segundo as ONGs e os protetores independentes, não atua em causas de defesa dos animais e faz justamente o contrário. Carla é defensora de rodeios, prática conhecida por causar danos e maus- tratos aos animais, além de competições como a prova do tambor, a qual já tem estudos que demonstram o sofrimento que causa aos equinos, gerando portanto maus-tratos.

Nas redes sociais, Carla Martins Kritski expõe a forma como usa os animais “para entretenimento e diversão”, algo que vai em desencontro às práticas de defesa e proteção dos animais. E isso representa um retrocesso para a cidade de Ponta Grossa e para a defesa e proteção dos animais.

O Grupo Fauna de Proteção aos Animais, que atua há mais de 25 anos na de defesa dos direitos dos animais, disse que ficou surpreso com a nomeação de uma defensora de rodeios e de competições que causam maus-tratos aos animais como secretária de Meio Ambiente.

O Grupo Fauna recebeu com surpresa a nomeação da nova secretária municipal de Meio Ambiente, levando em consideração que a mesma apoia rodeios e, não bastasse isso, é competidora na prova do tambor, a qual já tem estudos demonstrando o sofrimento que causa aos equinos, gerando maus-tratos. Somos cientes da discussão acerca da questão cultural envolvida, mas está não pode se sobrepor a uma realidade incontestável, os animais são seres sencientes e não temos o direito de, para diversão humana, imputar a eles dor e sofrimento”, disse o Grupo Fauna.

O Grupo Fauna pede que a prefeita Elizabeth reconsidere essa nomeação equivocada e lembrou que ela (quando candidata) se comprometeu com a causa animal.

“Desta forma reputamos de vital interesse para a causa animal a reconsideração sobre esta decisão, contando com a sensibilidade da prefeita Elizabeth Schmidt, que inclusive, em sua campanha à prefeitura, assinou um compromisso em defesa da causa animal junto as Ongs de proteção animal. Hoje, viemos expressar nossa profunda decepção e indignação diante da nomeação da nova secretária do meio ambiente, Carla Martins Kritski. Infelizmente, essa escolha nos causa grande preocupação, pois a nova secretária é conhecida por seu apoio incondicional aos rodeios e à exploração de animais para entretenimento”, lamentou o Grupo Fauna (veja a nota completa no final do texto)

Da mesma forma, um grupo de protetores independentes lançou manifesto nas redes sociais, repudiando a nomeação da defensora de rodeios na Secretaria de Meio Ambiente de Ponta Grossa e pede que a prefeita mude o nome do comando da pasta, pois ainda há tempo para mudar.

“Hoje, viemos expressar nossa profunda decepção e indignação diante da nomeação da nova secretária do meio ambiente, Carla Martins Kritski. Infelizmente, essa escolha nos causa grande preocupação, pois a nova secretária é conhecida por seu apoio incondicional aos rodeios e à exploração de animais para entretenimento. Nós, defensores da natureza e dos direitos dos animais, acreditamos que é fundamental ter pessoas comprometidas com a proteção do meio ambiente ocupando cargos de liderança. No entanto, a nomeação de alguém que apoia práticas tão cruéis e desrespeitosas vai contra todos os princípios de preservação e bem-estar animal”, dizem os protetores.

Os protetores independentes acreditam que a prefeita de Ponta Grossa ainda pode mudar essa situação. “Manifestamos nossa total desaprovação em relação à nomeação de Carla Martins para o cargo de secretária do meio ambiente. Exigimos que a prefeitura reveja essa decisão e escolha alguém comprometido com a causa ambiental e com o respeito aos animais”, disseram os protetores independentes. (veja a nota completa no final do texto)

Vereadora Josi do Mandato Coletivo do PT também manifesta repúdio à nomeação de Carla Kritski

“Todos os problemas relacionados ao meio ambiente são extremamente sérios. E se um secretário não tiver o mínimo de empatia em relação aos maus tratos a animais, ele não serve para o cargo, independente se tem um currículo técnico admirável.” Josi Kieras do Coletivo.

A vereadora prometeu buscar explicações da prefeitura e trabalhar este assunto na sessão de segunda-feira (15), na Câmara dos Vereadores.

Nomeação de defensora de rodeios ocorreu na sexta (12)

Além de defender rodeios e o uso de animais como entretenimento e diversão, Carla Martins Kritski, segundo a Prefeitura de Ponta Grossa, é formada em Administração de Empresas pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) e bacharel em Agronomia pelo Cescage. Carla não possui nenhuma experiência na área de gestão pública.

Ela foi nomeada no lugar de Sandro Bandeira, que caiu do cargo de Secretário de Meio Ambiente porque era cargo do vereador Leandro Bianco, que declarou apoio ao pré-candidato Marcelo Rangel (PSD).

ONPs repudiam nomeação de defensora de rodeios e competições que maltratam animais como secretária de meio ambiente de PG

VEJA A NOTA COMPLETA DO GRUPO FAUNA

O Grupo Fauna recebeu com surpresa a nomeação da nova secretária municipal de Meio Ambiente, levando em consideração que a mesma apoia rodeios e, não bastasse isso, é competidora na prova do tambor, a qual já tem estudos demonstrando o sofrimento que causa aos equinos, gerando portanto maus tratos.

Somos cientes da discussão acerca da questão cultural envolvida, mas esta não pode se sobrepor a uma realidade incontestável, os animais são seres sencientes e não temos o direito de, para diversão humana, imputar a eles dor e sofrimento.

Atuamos há mais de 25 anos na defesa dos direitos animais e entendemos que esta pessoa não tem o perfil para estar a frente de tão importante pasta que, além da proteção ao meio ambiente, administra projetos e ações visando a proteção e defesa de animais e também na inibição de maus tratos aos mesmos.

Desta forma reputamos de vital interesse para a causa animal a reconsideração sobre esta decisão, contando com a sensibilidade da prefeita Elizabeth Schmidt, que inclusive, em sua campanha a prefeitura, assinou um compromisso em defesa da causa animal junto as ongs de proteção animal.

NOTA COMPLETA DOS PROTETORES DOS ANIMAIS E QUE ATUAM DE FORMA INDEPENDENTE

Nota de Repúdio

Hoje, viemos expressar nossa profunda decepção e indignação diante da nomeação da nova secretária do meio ambiente, Carla Martins Kritski. Infelizmente, essa escolha nos causa grande preocupação, pois a nova secretária é conhecida por seu apoio incondicional aos rodeios e à exploração de animais para entretenimento.

Nós, defensores da natureza e dos direitos dos animais, acreditamos que é fundamental ter pessoas comprometidas com a proteção do meio ambiente ocupando cargos de liderança. No entanto, a nomeação de alguém que apoia práticas tão cruéis e desrespeitosas vai contra todos os princípios de preservação e bem-estar animal.

Os rodeios são eventos que causam um imenso sofrimento aos animais envolvidos. Eles são submetidos a situações de estresse extremo, lesões e até mesmo morte, tudo em nome do entretenimento humano. É inaceitável que alguém que defende esse tipo de prática seja responsável pela proteção e conservação do meio ambiente.

Nossa luta é pela preservação da natureza e pelo respeito à vida de todos os seres que compartilham esse planeta conosco. Não podemos aceitar que a nova secretária do meio ambiente seja alguém que não compartilha desses valores fundamentais.

Por isso, manifestamos nossa total desaprovação em relação à nomeação de Carla Martins para o cargo de secretária do meio ambiente. Exigimos que a prefeitura reveja essa decisão e escolha alguém comprometido com a causa ambiental e com o respeito aos animais.

Vamos juntos continuar lutando por um mundo mais justo, onde o meio ambiente seja preservado e os animais sejam tratados com dignidade.

Por Mareli Martins

Fonte: Mareli Martins

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.