(Foto: divulgação)

Ministério Público de Minas Gerais lança campanha de proteção aos animais

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio do Grupo Especial de Defesa da Fauna (Gedef), inicia campanha educativa de defesa dos animais. O lançamento será na sexta-feira, 31 de janeiro, às 14h, no Salão Vermelho da Procuradoria-Geral de Justiça (avenida Álvares Cabral, 1.690, 1º andar, Santo Agostinho). No lançamento, serão exibidas as peças de áudio e vídeo produzidas para serem veiculadas em todo o estado. Também será apresentada a cartilha a ser distribuída aos infratores durante as audiências dos processos de crimes contra os animais.
LEIA MAIS Ministério Público de Minas Gerais lança campanha de proteção aos animais
Falafel

Falafel

221 Ingredientes 3 xícaras de chá de grão-de-bico2 cebolas grandes raladas2 dentes de alho amassadosUma porção de salsinha a gostoCoentro em pó a gosto1 colher de fermento químico em pó1 colher de sopa de sal1 pitada de pimenta do reino1 pitada cominho em pó1 pitada de nos noscada1 pitadinha de canela Preparo Deixar o grão-de-bico de molho em água por 24 horas, remover a casa. Bata no processador (ou, na falta deste, no liquidificador) até formar uma massa homogênea e vá misturando todos os ingredientes. Retire a massa, forme bolinhas e frite em óleo quente. Fonte: Veggi & Tal

LEIA MAIS Falafel
Shiitakes grelhados

Shiitakes grelhados

187 Receita fácil de cogumelos shiitake com molho de alho e limão Ingredientes Aproximadamente 200grs de cogumelos shiitake frescossuco de 1 limão1 dente de alho picado3 colheres de azeite de oliva1 colher de molho shoyusal e cebolinha picada à gosto Preparo Lave os cogumelos e seque-os. Faça um molho com todos os ingredientes e mergulhe os cogumelos no molho por aproximadamente 15 minutos. Coloque os cogumelos em frigideira ou chapa untada e frite dos dois lados. Sirva acompanhado de massas, arroz, etc. Fonte: Veggi & Tal

LEIA MAIS Shiitakes grelhados
Sorvete de pequi e abacate

Sorvete de pequi e abacate

284 Ingredientes 1 pequi grande1/2 abacate médio1/4 de xícara de água1/4 xícara de açúcar orgânico Preparo Corte o pequi ao meio (despreze a casca), retire o miolo e leve-o para cozinhar, deixando ferver por cerca de 5 minutos. Quando a polpa estiver macia, começando a desmanchar, desligue o fogo, escoa a água e deixe a semente esfriar. Com o auxílio de uma faca, raspe a polpa que envolve a semente. Bata a polpa no liquidificador junto com o abacate e o açúcar até ficar homogêneo. Leve para o freezer até congelar; transfira do freezer para a geladeira 15 minutos antes…

LEIA MAIS Sorvete de pequi e abacate
Foto: tgraham via Compfight

Saiba os 5 motivos que fazem do zoológico um ambiente de tortura

O fascínio provocado nos humanos pelos animais selvagens não é algo novo. Desde o ano de 1250 a.c. os zoológicos se aproveitam disso, utilizando animais atrás das grades para o entretenimento de milhões de pessoas. Apesar dos zoológicos afirmarem que realizam um importante papel na preservação e na educação, eles são artificiais e inerentemente cruéis. O mal que eles causam é infinitamente maior que o suposto bem.
LEIA MAIS Saiba os 5 motivos que fazem do zoológico um ambiente de tortura
(Foto: Care2)

O mundo perturbador da indústria da seda

É bastante óbvio o motivo pelo qual muitas pessoas escolhem não comer carne ou não usar peles, mas quando se trata de escolher não usar seda, devido à falta de divulgação, a conexão entre essa escolha e os direitos animais não parece tão fácil de se notar.
 
O tecido chamado seda, que remete a belas e delicadas roupas, e artigos luxuosos de decoração, tem a ver com bichos-da-seda mergulhados vivos em tanques de água fervente. As informações são do Care2.
LEIA MAIS O mundo perturbador da indústria da seda
Queijo de amêndoas

Queijo de amêndoas

427 Ingredientes 1 xícara de amêndoas cruas1/2 xícara de água3 colheres (sopa) de suco de limão3 colheres (sopa) de azeite1 colher (café) de sal marinho   Preparo Escalde as amêndoas em água fervente por alguns minutos e remova as peles. Cubra com água e deixe de molho de um dia para o outro (12 horas). Escorra. Coloque as amêndoas em um processador ou liquidificador junto com os demais ingredientes e bata em potência alta por cerca de 5 minutos. Cubra uma peneira média com “pano de fralda” duplo ou outro tecido de algodão limpo. Despeje o conteúdo sobre ela, junte…

LEIA MAIS Queijo de amêndoas
Fazenda de extração de peles perto de Minsk

Futilidade de consumidores alavanca mercado de peles no mundo

Não é nenhum segredo que a indústria de extração de peles de animais para o uso humano é extremamente violenta. Inúmeros vídeos, textos e fotos são facilmente encontrados na internet, além de campanhas promovidas por ONGs, na tentativa de conscientizar a população a respeito desta cruel prática. Mas os esforços não foram suficientes para conter o avanço deste mercado que gira em torno de US$16 bilhões.

LEIA MAIS Futilidade de consumidores alavanca mercado de peles no mundo
urso-argentina

Projeto de aquário marinho revolta ativistas da causa animal no Rio de Janeiro

Com o objetivo de ser o maior aquário da América Latina, o projeto AquaRio vem na contra-mão do “efeito Blackfish”, nome dado a manifestação mundial contra a prisão de animais em aquários. O filme Blackfish é um documentário norte-americano lançado em 2013 e produzido por Gabriela Cowperthwaite sobre a orca Tilikum e a crueldade e os perigos de manter animais em cativeiro.
LEIA MAIS Projeto de aquário marinho revolta ativistas da causa animal no Rio de Janeiro
(Foto: divulgação)

MG: proibida a utilização de animais em espetáculos circenses

Sanção à Lei 21.159, de 2014, que proíbe a apresentação, a manutenção e a utilização de animais em espetáculos circenses, foi publicada no Diário Oficial de Minas Gerais do último sábado (18/1/14). A norma, de autoria do deputado Alencar da Silveira Jr (PDT), tramitou na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) como Projeto de Lei 4.787/13.
LEIA MAIS MG: proibida a utilização de animais em espetáculos circenses
Movimento Parlamentar em defesa dos animais reúne representantes de várias cidades da região (Foto: Reprodução)

MG: câmaras municipais iniciam luta contra a violência animal

Em iniciativa inédita no Estado vereadores de diversos municípios deram início a criação do Movimento Parlamentar em Defesa dos Animais. O primeiro encontro foi realizado em 4 de dezembro de 2013 e reuniu legisladores de 12 municípios. A mobilização também atinge parlamentares nas Assembleias Legislativas e na Câmara dos Deputados Federais. O movimento pretende incentivar e apoiar ações integradas no desenvolvimento e implementação de políticas e medidas relativas à defesa de ações sustentáveis pelo bem-estar dos animais.
LEIA MAIS MG: câmaras municipais iniciam luta contra a violência animal
Foto feito por detetive contratado por ativistas: cadela com gravatinha sendo entregue para Dalva e a mesma cadela morta encontrada no lixo no dia seguinte (Foto: Edson Criado)

Acusada de matar 37 gatos e cachorros é multada em R$19.500

O caso da dona de casa Dalva Lina da Silva teve mais um desdobramento recente. Para quem não lembra, ela foi acusada de se passar por protetora de animais e, após recolher cães e gatos, os matar com uma injeção no coração. O motivo da barbárie ninguém sabe qual é. Em janeiro de 2012, foram achados dezenas de corpos dentro de sacos de lixo em frente à sua casa na Vila Mariana, em São Paulo.

LEIA MAIS Acusada de matar 37 gatos e cachorros é multada em R$19.500
Com a criação do Comitê Municipal, campanha de vacinação contra raiva animal integra as ações que serão reforçadas neste ano. (Foto: Divulgação/Miguel Denser/PSA)

Santo André terá Comitê de Proteção e Defesa dos Animais

Com direito à participação popular, a Secretaria de Saúde de Santo André (SP) instituirá o Comitê Municipal de Proteção e Defesa dos Animais. Na prática, o novo órgão vai além de mais uma ferramenta para criação de ações efetivas contra o abandono, maus-tratos, castração e vacinação contra a raiva dos pets. A intenção do governo é garantir uma política pública de cuidado animal. Até o momento, foram realizadas três reuniões para elaboração do regimento. A próxima está marcada para o dia 4 de fevereiro – sempre na primeira terça-feira de cada mês.

LEIA MAIS Santo André terá Comitê de Proteção e Defesa dos Animais