PAN condena ataque 'deliberado' de cães a colónia de gatos em Lagos, Portugal; imagens fortes

PAN condena ataque ‘deliberado’ de cães a colónia de gatos em Lagos, Portugal; imagens fortes

O PAN Lagos diz ter sido contactado nos últimos dias por vários munícipes, no sentido de pedir ajuda e denunciar o ataque de que foi alvo uma colónia de gatos existente na Meia Praia.


Segundo o PAN, foram divulgados nas redes sociais vários vídeos onde se pode ver um ataque de dois cães que “alegadamente foram treinados pelo seu detentor para provocar dor e sofrimento e a morte a seres indefesos” – neste caso os gatos residentes na referida colónia.
 
De acordo com o partido, “é do conhecimento geral” que a colónia existe há vários anos, cujos animais “são estimados pela população e são alimentados e cuidados por um grupo de voluntários, depois de terem sido abandonados por populares que desejavam, libertar-se da responsabilidade que lhes é devida para com os seus animais de companhia”. 
 
O PAN condena este ataque deliberado aos gatos da colónia da Meia Praia e a todos os animais errantes da cidade, Margarida Maurício, membro da Assembleia Municipal de Lagos pelo PAN, deixa claro que: «juntamo-nos ao protesto da população e repudiamos atitudes de violência deliberada contra os animais. São vidas que, todas e todos, enquanto comunidade, temos obrigação de defender e proteger. Esperamos que as autoridades tomem medidas, no sentido de evitar, que situações semelhantes voltem a acontecer.»
 
A deputada municipal confirma ainda que irá reunir-se em breve com o Presidente da autarquia, «no sentido de encontrar soluções que melhorem as políticas de proteção e bem-estar animal no município de Lagos».
 
Sobre este acontecimento existe uma petição a circular:”Dono dos cães levado à Justiça e que os animais não voltem a ser-lhe devolvidos”.
  
Vídeo de Annabelle Reid 

Julkaissut Annabelle Reid Tiistaina 2. kesäkuuta 2020

Fonte: Algarve Primeiro / mantida a grafia lusitana original 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.