Parque Ecológico é obrigado readequar estrutura após denúncia de maus-tratos a animais em Fortaleza, CE

Parque Ecológico é obrigado readequar estrutura após denúncia de maus-tratos a animais em Fortaleza, CE
As medidas estão previstas em termo de ajustamento de conduta firmado entre MPF e o Parque Ecológico Ecopoint. (Foto: Reprodução)

Após ser denunciado por maus-tratos a animais silvestres, o Parque Ecológico Ecopoint, localizado no bairro Jóquei Clube, em Fortaleza, fará adequações do jardim zoológico mantido pela empresa. Serão realizadas reformas em recintos, brinquedos além de melhorias na alimentação dos animais.

As medidas foram tomadas após um termo de ajustamento de conduta firmado após a instauração de inquérito civil público pelo Ministério Público Federal (MPF), a partir de denúncia formulada pela Associação Brasileira dos Defensores dos Direitos e Bem Estar dos Animais, que noticiava supostos maus-tratos a animais silvestres no parque ecológico.

Denúncia

Apesar da denúncia, tanto o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Ceará (CRMV-CE) quanto o Conselho Regional de Biologia da 5ª Região (CRBio – 5) não constataram maus-tratos, mas advertiram ao MPF que havia a necessidade de diversas adequações no local.

Na avaliação do procurador da República Fernando Negreiros, titular do inquérito, a não adequação do jardim zoológico às exigências da legislação federal pode levar a seu fechamento, causando maior prejuízo aos animais abrigados e à sociedade como um todo.

O descumprimento das medidas presentes no acordo implicará multa diária no valor de R$ 1 mil.


Nota do Olhar Animal: O MP perde uma ótima oportunidade para fechar de vez um zoo. Não bastasse o sofrimento imposto pelo confinamento, a estrutura destes locais comumente são precárias, potencializando a crueldade.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.