Polícia Ambiental apreende 19 animais vítimas de maus-tratos no PR

Polícia Ambiental apreende 19 animais vítimas de maus-tratos no PR
Filhote de tucano apreendido por maus-tratos é o que mais inspira cuidados (Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental)

A Polícia Militar Ambiental apreendeu 19 animais silvestres vítimas de maus-tratos em Londrina, no norte do Paraná, na manhã desta terça-feira (13). Os bichos foram encontrados pelos policiais do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), que cumpriam mandados de busca e apreensão de uma operação de Cascavel, no oeste do estado, que investiga roubo e desvio de cargas.

Os animais estavam em uma casa que era alvo de mandado, no Jardim Califórnia, e que estava abandonada. De acordo com o coordenador operacional do Gaeco de Londrina Donizete Luz, os animais estavam em condições precárias.

“A Polícia Militar Ambiental foi chamada para verificar a situação dos animais. Aqueles que estavam com identificação e em boas condições permaneceram na casa, o restante foi apreendido”, explicou Luz.

Ainda de acordo com o coordenador operacional do Gaeco, a Polícia Ambiental vai levantar a situação dos animais que ficaram na casa. Em caso de irregularidades, outros podem ser recolhidos.

Segundo a relações pública da Polícia Ambiental, Camila Reina, os animais apreendidos estavam sem comida e sem água. Um filhote de tucano é o que inspira mais cuidados. Ele foi encontrado dentro de uma caixa de papelão.

“Apenas o filho te tucano tem anilha [pulseira de identificação], com maus-tratos bem caracterizados”, disse Reina.

Entre os 19 animais apreendidos por maus-tratos em Londrina, no norte do Paraná, há dois micos. (Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental)
Entre os 19 animais apreendidos por maus-tratos em Londrina, no norte do Paraná, há dois micos. (Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental)

Entre os animais apreendidos, 17 são aves de diferentes espécies, como sabiá laranjeira, bico de pimenta, coleirinha e gabião. Também foram recolhidos dois micos.

A Polícia Ambiental de Londrina já entrou em contato com o Instituto Ambiental do Paraná(IAP), para que os animais sejam encaminhados para tratamento adequado.

Polícia Ambiental apreendeu 17 aves de várias espécies em Londrina, no norte do Paraná, nesta terça-feira (13) (Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental)
Polícia Ambiental apreendeu 17 aves de várias espécies em Londrina, no norte do Paraná, nesta terça-feira (13) (Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental)

Por Aline Pavaneli

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.