Polícia Ambiental encontrou este ano cerca de 500 animais silvestres abatidos ou em cativeiros em Foz do Iguaçu, PR

Polícia Ambiental encontrou este ano cerca de 500 animais silvestres abatidos ou em cativeiros em Foz do Iguaçu, PR

Por Vinícius Machado

O combate à caça predatória de animais silvestres já apresenta números desanimadores. De acordo com o Batalhão de Polícia Ambiental, somente em Foz do Iguaçu de janeiro a agosto desse ano cerca de 500 animais foram encontrados pelos agentes em operações realizadas na região.

Entre os alvos estão pequenos mamíferos como veados, tatus, quatis e capivaras, porém a grande maioria é de aves, em especial tucanos e papagaios.

Eventualmente esses animais são encontrados mortos ou feridos vítimas de maus-tratos para alimentar um mercado paralelo interessado em comercializar os espécimes vivos como animais de estimação, pela carne exótica e até em usar partes desses animais como souvenir como peles, ossos e garras.

Fonte: A Gazeta do Iguaçu

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.