Polícia Ambiental identifica pesca ilegal de caranguejo-uçá e liberta mais de 350 animais em Cananeia, SP

Polícia Ambiental identifica pesca ilegal de caranguejo-uçá e liberta mais de 350 animais em Cananeia, SP
Caranguejos-uçá foram apreendidos e devolvidos ao habitat natural, em Cananeia — Foto: Divulgação/Polícia Ambiental

A Polícia Ambiental flagrou um homem armazenando dezenas de caranguejos-uçá (Ucides cordatus) em sacos, nesta quinta-feira (20), em Cananeia, no litoral de São Paulo. No total, 61 kg de caranguejo foram apreendidos e devolvidos ao habitat natural. A espécie é ameaçada de extinção e a pesca pode ser feita somente com autorização.

De acordo com informações da Polícia Ambiental, equipes da 5ª Companhia de Policiamento Ambiental Marítimo do 3º Batalhão de Policia Ambiental (CIAMAR) realizaram patrulhamento no bairro Acaraú. Os policiais flagraram um homem armazenando dezenas de caranguejos em sacos, envoltos com armadilhas de fios de ráfia. Segundo a Polícia Ambiental, este é um método proibido para a captura do crustáceo, conforme o artigo 5º da portaria IBAMA nº 52/03.

O homem foi abordado e, após fiscalização ambiental, as equipes encontraram 61 kg de caranguejo-uça, totalizando mais de 350 exemplares da espécie. Os animais foram apreendidos e imediatamente soltos em seu habitat natural. A Polícia Ambiental elaborou um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 1.920 mil por armazenar espécimes provenientes da pesca proibida.

Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, o caranguejo-uçá (Ucides cordatus) é uma espécie ameaçada de extinção, tendo sua pesca proibida. No entanto, por meio da Resolução SMA 02/2015, foi possibilitada a captura, a manutenção, o transporte, o beneficiamento e a comercialização de indivíduos dessa espécie, por meio de uma Autorização Especial, a ser emitida pela Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo.

Polícia Ambiental apreendeu mais de 350 exemplares de caranguejos-uçá em Cananeia, SP — Foto: Divulgação/Polícia Ambiental
Polícia Ambiental apreendeu mais de 350 exemplares de caranguejos-uçá em Cananeia, SP — Foto: Divulgação/Polícia Ambiental

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.