Polícia Civil abre inquérito para apurar incêndio que matou 12 cães no Ceará

Polícia Civil abre inquérito para apurar incêndio que matou 12 cães no Ceará

Terreno fica ao lado do abrigo São Lázaro, em Fortaleza. Alguns filhotes inalaram fumaça e não resistiram.

A Polícia Civil abriu nesta segunda-feira (26) um inquérito para investigar se o incêndio em um terreno baldio no domingo, no Bairro Siqueira, em Fortaleza foi criminoso. As chamas provocaram uma nuvem de fumaça que atingiu a Organização Não Governamental São Lázaro, que abriga animais abandonados.

Cerca de 180 animais que estavam no pátio foram atingidos. De acordo com a fundadora do abrigo, nove filhotes e três fêmeas adultas não resistiram e morreram sufocados. Uma perícia no local deve ser feita nos próximos dias.

O abrigo funciona graças a doações de voluntários. Quem quiser colaborar é só entrar em contato com a entidade pelo telefone (85) 99862 64775 ou (85) 98626-4775.

O São Lázaro também arrecada por meio de uma clínica parceira da entidade, que se localiza na Avenida José Bastos, 6360, Bairro Demócrito Rocha, na capital.

Conheça o Abrigo São Lázaro

O Abrigo São Lázaro é uma entidade sem fins lucrativos, que trabalha desde 1993 por uma vida melhor para os animais abandonados. Atualmente conta com mais de 200 animais que aguardam adoção.

A ONG realiza eventos beneficentes e recebe doações com o intuito de pagar as despesas com o atendimento veterinário dos seus animais carentes.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.