Polícia Civil investiga golpe em que pessoas fingem adotar animais para receber doações no DF

Polícia Civil investiga golpe em que pessoas fingem adotar animais para receber doações no DF

Um golpe que vem se tornando comum nas redes sociais tem atrapalhado o trabalho dos protetores de animais no Distrito Federal. Em busca de dinheiro fácil, os estelionatários se apropriam de fotos de cães ou gatos machucados e passam a receber doações como se estivessem cuidando dos bichos.

Por causa do golpe, pessoas que costumam cuidar de bichos acabam tendo dificuldade quando prestam apoio a algum animal. Foi o caso de Rangelma Almeida, 40 anos, que passou por uma situação embaraçosa em maio.

Ela resgatou uma gata no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), que tinha um ferimento na cabeça e uma pata quebrada. “Foram cinco dias tentando achá-la até eu ver a situação em que estava. Levei para casa e depois para o veterinário, pois o caso era muito grave”, comenta.

Por Matheus Garzon

Fonte: Metrópoles

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.