Polícia Civil investiga pet shop por ter causado cegueira em cachorro em Cuiabá, MT

Polícia Civil investiga pet shop por ter causado cegueira em cachorro em Cuiabá, MT
Reprodução/PJC

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema) – Núcleo de Combate a Maus-tratos de Animais – em parceira com a Secretaria Adjunta de Bem-Estar Animal e o Conselho Regional de Medicina Veterinária, deflagrou na manhã desta sexta-feira (15.03), a Operação Visão Interrompida, com o objetivo de apurar possíveis irregularidades em uma clínica veterinária supostamente responsável por causar a cegueira em um cachorro.

De acordo com as investigações da Dema, o cachorro da raça lhasa apso frequentava a empresa de pet shop investigada para procedimentos de banho e tosa e passou a apresentar complicações no olho, sendo então levado pelos seus donos até outra clínica veterinária para avaliação.

Após o atendimento, foi verificada a necessidade do animal passar por uma cirurgia de transplante córnea, porém não foi possível reverter o quatro clínico do cachorro que perdeu a visão de um dos olhos.

A delegada titular da Dema, Liliane Murata as investigações continuam para apurar se houve responsabilidade e maus-tratos por parte da empresa.

“O combate aos maus-tratos animais é uma bandeira da maior importância. Estamos apurando todos os fatos para verificar se houve ou não alguma responsabilidade do estabelecimento ou dos profissionais que trabalham no local”, disse a delegada.

Fonte: HNT

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.