Polícia Civil resgata sete cães após denúncias de maus-tratos em duas casas de Anápolis, GO; veja vídeo

Polícia Civil resgata sete cães após denúncias de maus-tratos em duas casas de Anápolis, GO; veja vídeo
Dois dos sete cães resgatados após denúncias de maus-tratos — Foto: Reprodução/Polícia Civil

Após denúncias anônimas de suspeitas de maus-tratos, a Polícia Civil resgatou sete cães em duas casas de Anápolis, a 55 km de Goiânia. Segundo a corporação, alguns animais estavam junto com as próprias fezes, muito magros ou aparentemente doentes.

VÍDEO: Polícia Civil resgata sete cães sob suspeita de maus-tratos em duas casas de Anápolis

O resgate foi feito na terça-feira (15). Todos foram deixados aos cuidados de uma Organização Não-Governamental (ONG) protetora de animais para receberem atendimento veterinário.

O delegado Jorge Bezerra disse que agentes verificaram algumas denúncias e concluíram que esses animais precisavam ser retirados da situação em que estavam.

“Na casa do Bairro Vivian, havia seis cães em situação deplorável. Um espeço pequeno, alguns animais eram de grande porte, estavam em meio às próprias fezes. Chamamos a Polícia Científica e o perito constatou que poderia configurar maus-tratos, embora esteja pendente a confecção do laudo”, detalhou.

Já na segunda casa visitada, no Residencial Pedro Ludovico, os agentes encontraram um animal que estava magro. Os agentes apuraram que ele poderia estar sob tratamento veterinário. No entanto, por precaução, decidiram levá-lo também.

Cachorro resgatado sozinho após denúncia de maus-tratos — Foto: Reprodução/Polícia Civil
Cachorro resgatado sozinho após denúncia de maus-tratos — Foto: Reprodução/Polícia Civil

Ainda de acordo com o delegado, as duas casas em que os animais foram resgatados eram habitadas, não estavam abandonadas. No entanto, nenhum dos responsáveis foi encontrado no local para responder pela situação.

Também segundo ele, ninguém fora à delegacia, até a tarde desta quarta-feira (16), se identificando como tutor de nenhum dos cães.

“Estamos fazendo diligências para identificar e localizar os responsáveis. Eles podem responder pelo crime de maus-tratos qualificado, que prevê pena de até cinco anos de prisão”, disse.

Cachorro de grande porte que estava em espaço pequeno, segundo policiais que o resgataram — Foto: Reprodução/Polícia Civil
Cachorro de grande porte que estava em espaço pequeno, segundo policiais que o resgataram — Foto: Reprodução/Polícia Civil

Por Vanessa Martins

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.