Polícia descobre que funcionários de prefeitura abandonaram cães comunitários longe da cidade, em Capela de Santana, RS

Polícia descobre que funcionários de prefeitura abandonaram cães comunitários longe da cidade, em Capela de Santana, RS
Apenas um dos animais foi encontrado

A Polícia Civil descobriu que funcionários da Administração Municipal de Capela de Santana retiraram três cães comunitários que viviam em casinhas instaladas no pátio da prefeitura, no Vale do Caí, e os transportaram para 20 quilômetros longe do município. Dois funcionários foram identificados após investigação desde a terça-feira, 21, quando o desaparecimento dos vira-latas Bernardão, Chocolate e Quinha mobilizou moradores, ativistas da causa animal. O apreço pelos animais é antiga história, visto que eles moravam no local há cerca de uma década.

Conforme a Polícia Civil, por meio das imagens das câmeras de monitoramento da cidade foi possível ver os funcionários, em um micro-ônibus, que pertence à Secretaria da Saúde do município, retirando os animais do local. Os cães foram abandonados. Um deles, o Chocolate, foi localizado na manhã dessa quinta, em São Sebastião do Caí, e encaminhado aos cuidados da ONG Anjos de Quatro Patas, até que seja adotado.

Os suspeitos podem responder pelo crime de maus tratos aos animais, com pena entre dois a cinco anos de prisão. A polícia não divulgou os nomes dos funcionários da prefeitura. Qualquer informação sobre os cães Bernardão e Quinha pode ser repassada para a delegacia pelos telefones (51) 3698-1377 ou (51) 98502-0425.

Fonte: Agora no Vale

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.