Polícia fecha rinha de galo e detém suspeito de maus-tratos na Paraíba

Polícia fecha rinha de galo e detém suspeito de maus-tratos na Paraíba
 
Rinha funcionava em sítio na Zona Rural de Queimadas, no Agreste.Seis animais foram resgatados; um galo foi encontrado morto pela PM.

Uma rinha de galos que funcionava em um sítio na Zona Rural da cidade de Queimadas, no Agreste da Paraíba, foi desarticulada no domingo (10). Uma equipe da Polícia Militar Ambiental resgatou seis animais e encontrou um outro morto. Um homem de 49 anos, suspeito de manter a rinha, foi detido e encaminhado para a delegacia de Queimadas.

De acordo com o comandante do 1º Pelotão Ambiental de Campina Grande, tenente Rodrigo Rodrigues, os policiais chegaram até o local com a ajuda de denúncias anônimas feitas ao Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop). “Quando os policiais chegaram estava acontecendo uma disputa e vários participantes conseguiram fugir, mas o proprietário da residência foi detido e conduzido até a delegacia”, contou.

O oficial detalhou ainda que na casa onde acontecia a rinha foram apreendidas balanças de precisão que pesavam os galos competidores antes das lutas, bolsas para o transporte dos animais e esporões sintéticos. O suspeito de manter a rinha foi autuado em flagrante por maus tratos e multado no valor de R$ 4,2 mil, segundo a PM.

Fonte : G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.