Polícia identifica e prende homem que torturou filhote de cachorro em Itatim, BA

Polícia identifica e prende homem que torturou filhote de cachorro em Itatim, BA

Por volta das 19:30 h, desta quinta-feira (27), na Avenida Teotônio Vilela, Centro, Itatim, policiais militares prenderam Luciano de Jesus Pereira, vulgo Cabeça, nascido em 24 anos, residente na Rua São Jorge, s/n, Salgada, Itatim-BA, por ter cometido crime de maus-tratos contra animais.

Em imagens captadas por câmeras de vigilância de algumas lojas do comércio, Luciano aparece cometendo maus-tratos contra um filhote de cachorro, atirando-o violentamente no chão. O vídeo viralizou e teve ampla repercussão na cidade, dada a violência gratuita perpetrada pelo indivíduo contra o indefeso animal.

Segundo o tenente Benjamin, com do Pelotão da PM no município, os policiais chegaram a real identidade do autor através de denúncias.

“O crime causou revolta e chocou as pessoas, que se comoveram com o sofrimento do cãozinho e nos ajudaram a identificar e localizar o autor. Diligências foram feitas no sentido de localizá-lo, tivemos êxito e o indivíduo foi conduzido e apresentado na delegacia de polícia local para que sejam adotadas as medidas cabíveis”, disse o tenente.

Segundo o artigo 32 da Lei 9.605/98, praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos:

Pena – detenção, de três meses a um ano, e multa.

§ 1º Incorre nas mesmas penas quem realiza experiência dolorosa ou cruel em animal vivo, ainda que para fins didáticos ou científicos, quando existirem recursos alternativos.

§ 2º A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.

Fonte: Mídia Bahia

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.