Polícia indicia dois funcionários por morte de cachorro jogado vivo em caminhão de lixo

Polícia indicia dois funcionários por morte de cachorro jogado vivo em caminhão de lixo
Foto: Renato Andrade / Cidadeverde.com

A delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) concluiu o inquérito sobre a morte de um cachorro, que foi atropelado e arremessado no caminhão do lixo, no bairro no bairro Dirceu Arcoverde II, zona sudeste de Teresina, PI.

De acordo com o delegado Wilon Araújo, está configurado o crime de maus-tratos com resultado de morte. O delegado encaminhou o inquérito ao Ministério Público do Piauí e pediu pelo indiciamento de dois funcionários, dos três, que aparecem nas imagens.

“O inquérito já foi remetido ao Ministério Público e pedimos o indiciamento do motorista e do coletor que arremessou o cachorro no caminhão e ligou a compactadora”, afirmou o delegado.

Durante os depoimentos, os funcionários disseram à Polícia que não tiveram a intenção de matar o animal. “Todos eles disseram que a morte foi acidental, mas isso quem vai definir é o Ministério Público, com base no inquérito”, explicou Wilon.

O delegado falou ainda que o corpo do cachorro não foi encontrado no Lixão de Teresina.

“Fizemos buscas, mas não conseguimos encontrar o corpo do animal para periciar. Então, solicitei uma perícia com base nas imagens que tivemos acesso. E essa perícia será anexada ao inquérito. Além disso ouvimos as pessoas lá da rua onde tudo aconteceu. Tudo isso está dentro do inquérito”, disse o delegado.

Segundo o Wilon Araújo, esse caso deve servir de exemplo para a sociedade.

“Quando acontece um acidente envolvendo animal, doméstico ou não, é preciso comunicar a autoridade policial. Temos o Batalhão de Polícia Ambiental, que funciona 24 horas; temos aqui a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente e; ainda, temos a Zoonoses, lá eles dispõem inclusive de uma geladeira onde o corpo pode ser guardado para ser periciado.

Entenda o caso

O atropelamento aconteceu no dia 14 de junho, no conjunto Dirceu Arcoverde II, e foi registrado por câmeras de segurança da região à Avenida das Hortas. Vídeos que circularam nas redes sociais mostraram o caminhão da coleta de lixo atropelando o animal, que está deitado na rua. Logo em seguida um funcionário da empresa pega o cachorro, que estava agonizando, e joga dentro do compactador, que fica na caçamba do veículo.

O vídeo foi encaminhado para a Delegacia de Proteção do Meio Ambiente que instaurou inquérito para investigar as circunstâncias do acidente.

Por Adriana Magalhães

Fonte: Cidade Verde

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.