Eles estavam chorando por ajuda e alguém ouviu na hora certa

Policiais salvam os pequenos irmãos do interior de cavernas inundadas

Eles estavam com frio, com medo e sua mãe não estava à vista – mas pelo menos eles tinham um ao outro.

Enquanto o covil se enchia de água, os dois filhotes choravam, esperando que alguém viesse ajudá-los.

Depois de alguns minutos, os mais bondosos policiais correram em seu socorro e os ursos foram levados para um local seguro. Eles estavam aterrorizados, mas suas vidas seriam muito melhores.

“Eu acho que às vezes as mães abandonam o covil quando algo catastrófico acontece como uma enchente”, disse Jon Pillath, um colega de trabalho dos oficiais que chegaram para ajudar, ao The Dodo. “A cova deles estava inundada, a mãe voou na gaiola, mas supostamente ela ainda estava por perto. Eles conseguiram tirar os filhotes de onde estavam e trazê-los para seus esquadrões para se aquecerem ”.

Publicado por Jon Pillath em Sexta-feira, 22 de março de 2019

Os dois ursos ficaram órfãos, e se não fossem seus dois salvadores, eles podem não ter visto outro dia. Felizmente, seu destino mudou para sempre – e depois de alguns tratamentos médicos de rotina, ambos estão indo muito bem.

Os filhotes são um par de irmãos e irmãs, supostamente com apenas alguns meses de idade. Eles nasceram perto de Ashland, Wisconsin, EUA. Os policiais tentaram deixar os filhotes a céu aberto para que sua mãe ouvisse seus gritos, mas, infelizmente, eles acreditam que ela foi expulsa por um cachorro no bairro e não voltaria.

Os dois filhotes estão atualmente vivendo no Wild Instincts Animal Hospital, em Rhinelander, onde a equipe está tomando cuidado para não habituar os filhotes aos humanos. Isso significa que as pessoas não podem ser excessivamente carinhosas com os ursos ou até mesmo falar com elas durante as mamadas, já que isso poderia torná-las menos amedrontadas com os seres humanos – o que poderia sacrificar sua segurança se um dia puderem ser liberadas a vida selvagem.

“A menina estava em uma incubadora por algum tempo antes de vir”, disse Pillath. “Parece que eles devem se recuperar totalmente e esperamos que seja lançado no outono.”

Depois de tudo o que eles passaram, seria a melhor recompensa ver esses filhotes se transformarem na idade adulta, como teriam feito na natureza.

Graças aos seus salvadores, eles agora têm uma grande chance de fazê-lo.

Por Kristen Warfield / Tradução de Maria Leticia Guerra Machado Coelho

Fonte: The Dodo

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.