População se une e faz fila para salvar cães do frio na Polônia; temperatura 20º abaixo de zero

População se une e faz fila para salvar cães do frio na Polônia; temperatura 20º abaixo de zero
Centenas de pessoas ficaram na fila para salvar cães do frio, no abrigo com temperatura de 20 graus abaixo de zero na Cracóvia. Foto: KTOZ Schronisko.

Quando as pessoas se unem, conseguem realizar muito! Centenas de pessoas formaram fila para salvar os cães que passavam frio em um abrigo que estava com temperaturas abaixo de zero. E todos os bichinhos que ficavam no pátio foram adotados, olha que notícia boa!

As temperaturas no abrigo KTOZ Schronisko, em Cracóvia, na Polônia, iam ficar na casa dos -20°C. Era preciso arrumar um local seguro e coberto para os bichinhos, já que a casa não tem as condições necessárias para enfrentar um frio desse porte.

Esperando encontrar alguém com um bom coração, os administradores do abrigo fizeram um post no Facebook clamando por ajuda. E ela veio, muito maior do que eles esperavam. “Este foi um dia emocionante, mas muito desafiador para nossa equipe e voluntários. A quantidade de pessoas que visitaram nosso abrigo parecia infinita e foi absolutamente lindo”, disseram em comunicado.

Frio de lascar

Os moradores da cidade já estão acostumados, é só se agasalhar e ficar dentro de casa que tudo se resolve. Mas para os bichinhos, as baixas temperaturas significavam vida ou morte.

Por isso, os administradores do local correram para achar lares para os animais. Eles batizaram a ação de “Operação Frost [geada]”.

“Devido ao fato de alguns dos nossos animais viverem em canis, precisamos urgentemente de lhes dar um espaço fechado”, disse o abrigo no Facebook.

O local também pedia para aqueles que não pudessem adotar um cachorrinho, que pelo menos dessem um lar temporário, um abrigo quentinho.

Fila para adoção

A notícia começou a se espalhar e grandes filas foram formadas em frente ao local. Todos queriam levar um bichinho para casa e fazer uma boa ação!

O KTOZ Schrokisko nunca viu seu espaço tão cheio.

No primeiro momento, mais de 100 cãezinhos já haviam encontrado lares temporários ou permanentes.

Notícia se espalhou

E cada vez mais a notícia ia se espalhando pelos arredores de Cracóvia.

“Vi um anúncio de ação de inverno nos stories do meu chefe e há muito tempo venho conversando com minha mãe sobre ter um cachorro. Esse frio congelante me deu tanta vontade de agir que, enquanto estava sentado no trabalho, pensei: ‘se não agora, nunca”, disse Pani Ola no Facebook.

Os novos e animados tutores faziam questão de compartilhar fotos com seus novos amigos. Foram centenas na página do abrigo.

“Corações gentis”

No post de agradecimento, o abrigo comemorou o número de animais adotados e disse que ainda tem vários disponíveis.

“Queremos que vocês saibam que a alegria que sentimos graças a vocês superou todas as possibilidades. Todos os cães das caixas externas foram transferidos para salas internas graças às adoções”, disseram.

Eles ainda agradeceram cada um que fez uma boa ação e levou um bichinho em segurança para casa.

“Obrigado a todos, sem exceção, por cada adoção, por seus corações gentis e abertos”, concluíram.

Veja outras fotos no post de agradecimento do abrigo:

Por Vitor Guerra

Fonte: Só Notícia Boa

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.