Porquinha resgatada de fazenda industrial agora pensa que é um cachorro

Porquinha resgatada de fazenda industrial agora pensa que é um cachorro
Fotos: Sugarshine Farm Sanctuary

A primeira pista de que a porquinha tinha vindo de uma fazenda industrial foi seu rabo. Ou a falta de um, para ser mais preciso.

Nas fazendas industriais, é uma prática padrão para os fazendeiros cortar os rabos dos porquinhos para que outros porcos não os mordam, o que é algo que eles podem fazer quando mantidos em ambientes estressantes.

A segunda pista era que a porquinha era de uma raça grande de pele branca, o tipo de porco tipicamente usado na produção de carne.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_2

A porquinha tinha aparecido misteriosamente em uma gaiola do lado de fora do portão do SugarshineFarmSanctuary, um refúgio animal em New South Wales, Austrália. Kelly Nelder, uma das fundadoras do Sugarshine, achou que um amante de animais resgatou a porquinha de uma fazenda industrial e a entregou ao santuário para que ela tivesse uma vida melhor.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_3

Seja qual for o caso, Nelder e os voluntários do santuário se apaixonaram imediata e loucamente pela porquinha, a qual foi chamada de Dreamy.

Mas Dreamy tinha somente duas semanas de idade – ela ainda deveria estar vivendo com sua mãe – e o que foi que ela passou antes de ser resgatada já mostrava seu peso.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_4

“Dreamy estava bem apática e se isolava quando ela chegou”, Nelder disse ao The Dodo. “Seus olhos não tinham vida e ela não tinha interesse pelo que acontecia ao seu redor”.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_5

Mas conforme Dreamy começou a explorar o mundo ao seu redor, e começou a sentir o ar fresco pela primeira vez em sua vida, tudo mudou.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_6

“Dreamy se adaptou à vida no santuário imediatamente”, Nelder disse. “Ela subia nas pedras, mordiscava a grama (e depois cuspia), corria atrás e se aconchegava com os cães, subia na minha cama e corria em círculos”.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_7

Ela também começou a tirar pequenas sonecas que fizeram com que ela ganhasse seu nome. “Dreamy ama tirar uma soneca e, quando ela dorme, ela obviamente sonha com aventuras – suas patas chutam e se mexem como se ela estivesse correndo livremente e ela tem o sorriso mais doce e gentil em seu rosto quando ela dorme”, Nelder disse. “Então nós pensamos que Dreamy (sonhadora) era o nome perfeito para este pequeno barco de sonhos”.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_8

“Nós estávamos preocupados que fosse muita coisa para ela, mas ela se jogou em tudo e foi como se ela não se cansasse do seu mundo novo”, Nelder acrescentou.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_9

Dreamy rapidamente começou a aproveitar tudo no santuário, e descobriu que ela amava particularmente ficar com os quatro cães de resgate – Wally, Pencil, Blanco e Isabel.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_10

Dreamy começou a seguir os cães por toda parte – ela queria fazer tudo o que eles faziam. Agora ela passeia com eles, brinca com os brinquedos dos cães e corre atrás deles pela sala de Nelder.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_11

Mais do que qualquer coisa, Dreamy ama se aconchegar e dormir com os cães.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_12

“Nós tínhamos a esperança que Dreamy criasse laços com alguns dos outros porcos jovens do santuário, mas ela considera os cães como sendo de sua espécie”, Nelder disse. “Eles começaram a criar um laço depois que Dreamyficava subindo nos cães e, um dia, no meio dessa escalada, ela simplesmente deitou para dormir em cima do Wally”.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_13

Em cima de um cão…

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_14

… ou embaixo de um cão…

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_15

… ou se aconchegando ao lado de um cão. É bem assim que a Dreamy gosta.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_16

Os cães parecem amar se aconchegarem aDreamy tanto quanto ela ama. Mas o gato? Bom… já é outra história.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_17

“Snowy é um gato resgatado com uma personalidade forte, e essa personalidade não quer uma porquinha brincalhona ficando perto dele para estragar seu estilo”, Nelder notou.

“Dreamy pensou que Snowy era um cão que parecia diferente, que poderia gostar de se aconchegar também, mas rapidamente descobriu que não era bem assim”.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_18

Dreamy pode não ter tido nenhuma sorte com Snowy, mas ela não parece se importar – ela tem muitos outros amigos em Sugarshine.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_19

“Nada parece perturbar Dreamy”, Nelder explicou. “Ela quer experimentar tudo o que puder na vida. Porcos são tão amáveis, arteiros e cheios de afeição. Eles merecem ser uma parte das alegrias da vida, como o sol quente, uma chance de explorar este incrível mundo onde vivemos e experimentar o amor assim como um cão ou um gato ou qualquer outro animal”.

australia_porquinha_resgatada_fazenda_industrial_pensa_que_e_cachorro_20

Para ajudar Dreamy e os outros animais resgatados do Sugarshine, você pode fazer uma doação aqui.

Por Elizabeth Claire Alberts / Tradução: Alice Wehrle Gomide

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.