Prefeitura de Araripina (PE) está cometendo maus-tratos a animais recolhidos nas ruas

Prefeitura de Araripina (PE) está cometendo maus-tratos a animais recolhidos nas ruas

A prefeitura de Araripina está cometendo um crime ambiental, guardando animais abandonados, que são recolhidos na cidade, em um local impróprio na zona rural sem nenhuma condições de abrigar os bichos.

O espaço é uma roça localizada no sítio Santana, parte do lugar está com lixo e a outra parte da terra está arada, pronta para o plantio, não tem veterinário cuidando da saúde dos animais, que estão largados e abandonados a própria sorte, não foi visto no local água e nem comida, não tem nenhum abrigo, os bichos ficam expostos ao sol por todo dia e também a chuva agora com o início do inverno.

No espaço tem vários jumentos um dos animais mais dóceis do Brasil e símbolo da cultura nordestina.

De acordo com informações de vizinhos para não chamar atenção do local, o descarrego dos animais é feito somente à noite.

A responsabilidade de recolhimento dos animais é da secretaria municipal de agricultura.

LEI DE CRIMES AMBIENTAIS Nº 9.605/1998.

Art. 32. Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos:

Pena – detenção, de três meses a um ano, e multa.

Fonte: Blog Dante Arruda 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.