Prefeitura de Gurupi (TO) abandona o CCZ

Prefeitura de Gurupi (TO) abandona o CCZ
Prefeitura de Gurupi abandona o CCZ (Foto: Reprodução Internet)

As associações de proteção aos animais de Gurupi costumam visitar o CCZ – Centro de Zoonoses, e maus-tratos aos animais é coisa cotidiana, segundo as pessoas que atuam nestas ONG’s. Mas nos últimos dias, pela força das redes sociais, estes maus tratos chegaram ao conhecimento de milhares de gurupienses. Um vídeo viralizou na internet mostrando gatos com membros decepados, mortos ou em estado de inanição grave, além de cachorros no mesmo estágio de maus tratos ou abandono.

Fontes oficiais começaram a veicular  a informação de que a situação era momentânea e que estava relacionada ao afastamento do coordenador Henrique Alencar, que foi candidato a vereador. Não tem qualquer ligação com o afastamento do coordenador que os animais ficaram naquelas condições, segundo as entidades defensoras dos animais.

“Segundo informação dos servidores, o próprio Henrique foi quem dispensou o rapaz que fica de plantão nos finais de semana para limpar o lugar e cuidar dos animais, então é responsabilidade dele sim”, afirma um dos membros de uma das ONG’s. O vídeo com os animais morrendo ou mortos foi feito no dia 8 de novembro, dois dias após o retorno do coordenador ao serviço.

“Recebi informações de que no fim de semana em que foi feito o vídeo, os animais ficariam sem cuidado e sem comida. Eles já sabiam que os animais iriam morrer de fome lá, até animais devorando uns aos outros, e isso é o desespero quando bate a fome“, disse o membro da ONG. Segundo a ONG, as visitas irão continuar sendo feitas para fiscalizar a situação dos animais, e serão em horários inopinados, como sempre foram.

Esclarecimento do CCZ

O coordenador do CCZ, Henrique Alencar, retornou no dia 7 de novembro à ativa e o departamento está funcionando normalmente. Segundo informações da prefeitura, nesta quinta-feira (10) a prefeitura e a secretaria de saúde compraram mais três novos kits completos de castração para o CCZ, com o objetivo de evitar a proliferação de animais nas ruas de Gurupi. Só neste ano foram castrados quase mil animais, e a previsão é dobrar esse número para o ano que vem.

“Saí para ser candidato a vereador agora nessa campanha, e o prefeito sempre deu o respaldo e apoio ao CCZ. Também estamos contando com o apoio da população e precisamos que nos ajude”, afirma o coordenador.

Segundo o coordenador, as pessoas que estavam responsáveis pelo canil já foram afastadas para as medidas cabíveis. “Foram trocados os profissionais e os antigos funcionários estão afastados dos cargos”, disse. A meta agora, segundo o coordenador, é retomar o trabalho no CCZ e cuidar para que situações como esta não se repitam mais.

Equipamento de castração adquirido pela prefeitura e secretária de saúde. (Foto: Henrique Alencar)
Equipamento de castração adquirido pela prefeitura e secretária de saúde. (Foto: Henrique Alencar)

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.