Prefeitura do Rio socorrerá Suípa de crise: ‘Vamos ajudar’, decreta Eduardo Paes

Prefeitura do Rio socorrerá Suípa de crise: ‘Vamos ajudar’, decreta Eduardo Paes

Por Gustavo Cunha 

A Prefeitura do Rio deve socorrer a Sociedade União Internacional Protetora dos Animais (Suipa) de uma crise financeira. Secretário especial de Promoção e Defesa dos Animais, Vinícius Cordeiro receberá hoje representantes da instituição para uma reunião operacional. “Vamos ajudar com material de limpeza, ração e medicamentos”, escreveu o prefeito Eduardo Paes, na tarde do último domingo, no Twitter.  

A situação desfavorável se agrava desde agosto, quando a então presidente da Suípa, Isabel Cristina Nascimento, morreu, e a conta da instituição foi bloqueada. Até o último domingo, 60 toneladas de ração foram doadas pela população. Nos próximos fins de semana, um mutirão de ajuda coletiva ocupará a Rua do Russel na altura do número 804, na Glória, das 9h às 15h.

Presidente da Comissão de Proteção e Defesa dos Animais da OAB-RJ, Reynaldo Velloso avisa que a quantidade arrecadada ainda não é suficiente. Os quatro mil animais, entre cães, felinos e cavalos, consomem mais de uma tonelada de ração por dia.

— A solidariedade das pessoas me emociona. A Suipa não é apenas um abrigo. Prestamos atendimento veterinário a preços populares. É o (hospital) Souza Aguiar dos animais pobres — define Velloso.

RJ Prefeitura socorrera Suipa crise2

Fonte: Extra


Nota do Olhar Animal: A ajuda da Prefeitura do RJ é o mínimo que se espera, uma vez que a situação precária e a própria existência de abrigos se deve, em grande parte, à falta de políticas públicas efetivas para o controle populacional de animais, que deveriam ser implementadas pela própria Prefeitura. O raciocínio vale para o Rio e para qualquer cidade.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.