Prefeitura suspende castração e protetores organizam manifestação, em Tanabi, SP

Prefeitura suspende castração e protetores organizam manifestação, em Tanabi, SP

Protetores de animais de Tanabi (SP) vão às ruas para reivindicar castração; o manifesto será nesta sexta-feira (10), às 13 horas. Eles irão se reunir na entrada da cidade e seguir a pé até a Prefeitura. Além da castração, os protetores pedem fiscalização e punição para maus tratos, um veículo próprio da prefeitura com um funcionário e um canal direto para a população denunciar abandono, maus tratos, e atropelamentos, um lar de passagem para animais abandonados, doentes, e o recolhimento desses animais, além de um programa de adoção responsável.

Entre as reivindicações, os manifestantes também pedem que seja cumprido uma decisão judicial que obriga a prefeitura a implantar um programa de educação e conscientização nas escolas, a chipagem de animais castrados. Em 2015 o Ministério Público entrou com uma ação obrigando a prefeitura a disponibilizar o serviço de castração. Esse serviço funcionou até o dia 20 de agosto mas o contrato com a empresa (clínica) venceu e não foi renovado. De acordo com o protetor Dionísio Guariero, que organiza o protesto, a situação na cidade em relação aos animais de rua está preocupante. “Dezenas de animais soltos na cidade, não existe controle sanitário e a prefeitura ainda não cumpriu com as determinações da justiça que obriga não só a castração mas também um trabalho de implantação de chip nem animais castrados e também um programa de educação nas escolas”, afirmou.

Nos entremos em contato com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Tanabi que nos informou que um convênio já foi firmado com uma faculdade da região e que o serviço estará disponível em breve mas ainda não deu detalhes.

Fonte: SBT Interior

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.