Preso por deixar cachorro com larvas na boca é solto e proibido de ter animais em Campo Grande

Preso por deixar cachorro com larvas na boca é solto e proibido de ter animais em Campo Grande
(Ilustrativa)

O tutor de um cachorro que acabou preso, após o animal ser resgatado neste fim de semana, no bairro Vila Neusa, com a pata quebrada e com larvas na boca foi solto nesta segunda-feira (20), em Campo Grande [MS]. O animal estava sem comida e sem água e vizinhos fizeram a denúncia.

O homem passou por audiência de custódia e a magistrada, Eliane de Freitas Lima, decidiu pela liberdade provisória do tutor, com medidas cautelares como: recolhimento domiciliar no período noturno (das 20 horas às 6 horas) em período integral nos dias de folga, finais de semana e feriados, proibição de manter quaisquer tipos de animais em sua residência.

Denúncia de vizinhos

Uma vizinha começou a ouvir o choro do cachorro, na sexta-feira (17). Assim, ela olhou por cima do muro e viu que o animal estava com a pata machucada, em carne viva e cheio de moscas em volta. No sábado (18), ela voltou a ouvir o choro do cachorro, foi quando resolveu ligar para a polícia para fazer a denúncia.

Quando os policiais chegaram à casa encontraram muita sujeira, entulho, várias galinhas criadas no terreno e comida azeda. Em seguida, constataram que o cachorro não tinha água, comida e estava com uma fratura exposta na pata dianteira.

Dessa forma, o animal mal conseguia se movimentar de dor, ainda estava infestado de carrapatos e larvas na boca. Os policiais resgataram o cachorro e o encaminharam para uma clínica veterinária.

O tutor do animal acabou preso em flagrante, e não disse nada em seu depoimento na delegacia.

Por Thatiana Melo

Fonte: Midiamax