Presos! Falsos protetores de animais resgatava animais para lucrar com doações financeiras

Presos! Falsos protetores de animais resgatava animais para lucrar com doações financeiras

A Polícia Civil (PCDF) deflagrou uma operação nesta sexta-feira (19) contra um grupo acusado de resgatar animais das ruas, pedir doações financeiras nas redes sociais para cuidar dos bichos e acabar por não ajudá-los. Entenda:

O grupo resgatava os animais e os levava para uma espécie de cativeiro. Os bichos escolhidos eram, quase sempre, cachorros e gatos. Depois, os acusados faziam campanhas de arrecadação de recursos financeiros nas redes sociais. O valor obtido era dividido entre os membros, e os animais seguiam em más condições.

O vídeo abaixo mostra animais apreendidos pelo grupo em situação de maus-tratos: 

 

Dentre os membros da organização criminosa está um estudante de medicina veterinária, segundo investigações da Polícia Civil. O grupo usava dados de profissionais da área, como receituários e carimbos médicos furtados, para dar credibilidade ao esquema.  

A Delegacia de Combate à Ocupação Irregular do Solo e aos Crimes contra a Ordem Urbanística e o Meio Ambiente (Dema/PCDF) investiga o caso desde setembro de 2019. Agora, os acusados podem responder pelos crimes de associação criminosa, estelionato, falsidade ideológica, maus-tratos a animais e exercício irregular da profissão.

Por William Matos

Fonte: Jornal de Brasília 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.