Pressionado, prefeito de Brejo do Cruz (PB) volta atrás e desiste de decreto autorizando sacrifício de animais abandonados

Pressionado, prefeito de Brejo do Cruz (PB) volta atrás e desiste de decreto autorizando sacrifício de animais abandonados
O decreto que data de 18 de janeiro (confira o documento abaixo) diz em seu artigo 7 que os animais recolhidos das ruas, que não tiverem dono, poderão ser sacrificados a critério da autoridade sanitária. (Foto: reprodução)

Após ser alvo de pressão e retaliações nas redes sociais, o prefeito de Brejo do Cruz, Tales Torricelli, voltou atrás acerca do decreto que determinada o recolhimento e sacrifício de animais na cidade. Em uma postagem em seu perfil no Instagram, na tarde desta quinta-feira (19), o gestor disse que o decreto será revogado e que nenhuma animal será sacrificado.

O decreto que data de 18 de janeiro (confira o documento abaixo) diz em seu artigo 7 que os animais recolhidos das ruas, que não tiverem dono, poderão ser sacrificados a critério da autoridade sanitária.

Tentamos entrar em contato com o gestor para saber quais os procedimentos serão adotados acerca da saúde dos animais, mas até o encerramento da matéria ele não atendeu as ligações.

Por Emmanuela Leite

Fonte: ClickPB

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.