Foto: PRF

PRF resgata animais silvestres em condições de maus-tratos em Chopinzinho, PR

Na tarde do dia 16/10/17, agentes da Polícia Rodoviária Federal de Pato Branco realizaram apreensão de Papagaios silvestres próximo à aldeia indígena em Chopinzinho/PR. A equipe policial realizava ronda na BR-373, quando próximo ao km 459,0 quando por volta das 16:20 horas, a equipe PRF foi informada que nas proximidades havia um indivíduo vendendo aves silvestres às margens da rodovia.

A equipe se deslocou ao local, e ao chegar, avistou uma caixa de papelão fechada e uma ave solta sobre uma bancada, nas proximidades do acostamento, em frente a uma aldeia indígena. Ao abrir a caixa foi verificado que havia mais duas aves silvestres em situação de maus tratos e evidente contexto de venda. No local havia algumas pessoas, porém todos afirmaram não serem tutores dos animais.

No decorrer das atividades policiais, procedeu-se a apreensão de 3 aves silvestres. Os animais foram encaminhados para uma clínica veterinária onde passaram a noite e posteriormente foram levados ao Instituto Ambiental do Paraná.

Diante das informações obtidas foi constatada, a princípio, a ocorrência do Art. 29 § 1º da Lei , 9.605/1998 conhecida como Lei de Crimes ambientais, redigida em parte abaixo: Art. 29 Matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente, ou em desacordo com a obtida: Pena – detenção de seis meses a um ano, e multa.

Fonte: PRF / PatoBranco.com

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.