Projeto Cão-panhia incentiva adoção consciente em Rio Claro (SP)

Projeto Cão-panhia incentiva adoção consciente em Rio Claro (SP)

Rio Claro thumbs

O Departamento de Educação Física do Instituto de Biociências da Unesp de Rio Claro está iniciando um novo projeto de extensão à comunidade, denominado “Saúde, Lazer e Cão-panhia”. O projeto tem como objetivo incentivar a adoção consciente e a guarda responsável de animais. A ideia é envolver a população para que ela possa ajudar a diminuir o número de animais abandonados na cidade.

“Com o nosso projeto, as pessoas que têm vontade de ajudar e adotar um animal, mas que ficavam preocupadas e indecisas, vão poder contar com a rede social de tutores do Bem”, explica o Prof. Dr. Luiz Augusto Normanha Lima, coordenador do projeto. De acordo com ele, o projeto tem como principais objetivos promover a interação entre os tutores e seus animais por meio de atividades recreativas; cadastrar os candidatos a tutores para incentivar a adoção consciente e a guarda responsável; cadastrar os animais que estão sob tutoria e aqueles que estão em situação de risco e abandono; e promover a integração entre pessoas e animais mediante a realização de atividades recreativas, feiras de adoção e serviços voltados para a saúde dos animais.

Lima conta que a ideia surgiu por causa do aumento do número de animais abandonados nas ruas da cidade. Tanto que o poder público sozinho não consegue solucionar o problema. Mesmo quando existe atendimento para os animais vítimas de maus-tratos, doentes ou feridos, ainda resta a questão do que fazer com eles após a recuperação. “A triste realidade é que esses animais são encaminhados para os abrigos, canis, gatis, que acabam se tornando depósitos hiperlotados de animais. Os animais ali depositados fatalmente vão morrer de doenças decorrentes do próprio confinamento. Está na hora da população ajudar e por isso vamos desenvolver o nosso projeto de extensão”, declara o professor.

O projeto terá início no próximo sábado no Jardim Público, das 8 às 13 horas. Toda a comunidade está convidada a participar da atividade. No local, será realizado o cadastro de tutores dispostos a adotar um animal. O professor informa que esse banco de dados irá formar uma rede social e virtual de informações que contará com o apoio permanente de pets e veterinários. Dessa forma, as pessoas cadastradas que adotarem um animal terão descontos especiais em pets para rações, remédios e vacinas, e serviços de veterinário, inclusive para castração do animal adotado. “Tudo isso para incentivar e ajudar na decisão de quem quer salvar um animal de rua”, comenta.

Para ter acesso a esses serviços e descontos, basta fazer o cadastro em uma das intervenções realizadas pelo projeto ou ainda pela internet, através do site www.saudelazerecaopanhia.com.br. A cada final de semana a equipe do projeto estará em um local diferente. A próxima ação será realizada no dia 30 de maio, das 8 às 13 horas, no câmpus da Unesp, localizado na Avenida 24-A, número 1.515, no bairro Bela Vista.

Fonte: Canal Rio Claro

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.