Projeto que faz cadeiras de rodas para cachorros com dificuldade de mobilidade precisa de voluntários, em Goiânia, GO

O projeto “Reciclando Patas”, que confecciona cadeiras de rodas para cachorros com dificuldade de mobilidade, está precisando de voluntários em Goiânia. Segundo o idealizador, André Luiz da Costa, mais de 900 cães com dificuldade de mobilidade já foram contemplados com doações de cadeiras de rodas.

“Nós temos materiais, temos um espaço para trabalhar e confeccionar as cadeiras, além de todo o auxílio necessário, mas a gente precisa de voluntários para trabalhar”, disse André.

Depois de participar do quadro “The Wall”, do programa Caldeirão do Huck, em 2018, André e um amigo ganharam mais de R$150 mil. Com o dinheiro, André conseguiu montar uma sede para confeccionar as cadeiras de rodas para os animais, localizada no Jardim Planalto, na capital.

Além de contar a história dele no Caldeirão do Huck, André já participou do programa Encontro da Fátima Bernardes. Andre lembra que antes das participações nos programas, ele tinha condições de confeccionar apenas cinco cadeiras de rodas por mês.

“Nunca tive a intenção de fazer cadeiras de rodas para cães, mas uma amiga me pediu ajuda para comprar uma cadeirinha e, ao saber, o custo resolvi fazer eu mesmo. E a emoção de poder entregar uma cadeirinha e ver a cachorra andando é tão grande que eu resolvi fazer mais”, conta André.

Além da necessidade de voluntários para trabalhar, o projeto recebe doações de materiais utilizados para confeccionar as cadeiras, como tubos e conexões de PVC, rodas de carrinho de bebê ou de feira. Os interessados de ajudar de alguma forma o projeto, podem entrar em contato por meio do site do Reciclando Patas.

Por Vanessa Chaves

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.