Protesto em Recife pede justiça para cãozinho morto em Osasco

Protesto em Recife pede justiça para cãozinho morto em Osasco
Protesto pediu a responsabilização do segurança que matou a cadela Manchinha no Carrefour de Osasco. Foto: Goreti Queiroz/Cortesia

Um grupo de ativista e defensores dos direitos dos animais promoveu neste sábado uma manifestação em frente ao supermercado Carrefour do bairro de Boa Viagem, na zona sul do Recife, em protesto contra a tortura e morte de um cachorro em uma das unidades da rede em Osasco, São Paulo. Com faixas e cartazes, os participantes, alguns acompanhados de seus mascotes, também lembraram da campanha de prevenção ao abandono de cães e gatos batizada de Dezembro Verde.

Indignados com as notícias sobre a morte do cachorro Manchinha, abandonado dias antes no estacionamento do estabelecimento de Osasco, envenenado e morto a golpes de uma barra de ferro por um segurança do supermercado, os manifestantes pediam justiça e cobravam o posicionamento da rede sobre o caso. Manchinha, um cão dócil, estava sendo alimentado por funcionários do supermercado, mas alguns consumidores se queixaram da presença dele no local, o que teria provocado a ordem de eliminá-la. O caso teve enorme repercussão nas redes sociais e provocou a organização de protestos semelhantes por todo o Brasil.

Fonte: OCP

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.