Publicação do Senado sobre latido animal causa revolta nas redes sociais

Publicação do Senado sobre latido animal causa revolta nas redes sociais
Procurar ou não impedir barulho produzido por animal de que tem guardar, foi o trecho que chamou atenção | Foto: reprodução

O Senado Federal publicou no início da noite desta segunda-feira, 27, uma imagem falando sobre barulho animal. A postagem já tem mais de 800 comentários e mostra um cachorro latindo, com a seguinte descrição: “perturbar o sossego alheio é contravenção penal, que prevê prisão de até 3 meses para quem provocar ou não procurar impedir barulho por animal que tem a guarda”.

Apesar da Lei, a publicação repercutiu de forma negativa. Alguns internautas questionaram o intuito do folheto. “Triste e lamentável essa postagem. É óbvio que o barulho deve ser dirimido e atenuado. Mas a postagem com essa imagem aguça ainda mais a raiva contra os animais. Dá para conscientizar sobre a questão sem suscitar mais problemas. A causa animal já é tão sofrida. Triste, triste Senado Federal”, lamentou um seguidor. A postagem é justificada pela Lei de Contravenções Penais no seu artigo 42.

A revolta dos seguidores é pela forma como a página abordou a temática. Muitos questionaram a falta de “sensibilidade” com a causa animal e cobram quais as leis que punem os maus-tratos. “Criem leis também que sejam mais rigorosas para indivíduos que maltratam, e abandonam os animais. É disso que precisamos neste país”, escreveu outra internauta chateada com a situação.

Por Stéfany Fonseca

Fonte: Jornal Opção

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.