Quatro ursos doentes foram encontrados vivendo em jaulas minúsculas em um estacionamento depois de serem abandonados quando o circo faliu

Quatro ursos doentes foram encontrados vivendo em jaulas minúsculas em um estacionamento depois de serem abandonados quando o circo faliu
Os ursos no tempo congelante. (Imagens: CEN)

Quatro ursos doentes foram encontrados vivendo em jaulas apertadas em um estacionamento após provavelmente terem sido abandonados lá quando um circo faliu.

Os animais foram descobertos por pessoas que passavam nos arredores de Samara, no sudoeste da Rússia, e que reportaram a situação para a ativista animal Angelina Grinevich.

Imagens desoladoras mostram dois dos animais presos em jaulas de metal no estacionamento coberto de neve.

Enquanto um dos ursos pode ser visto andando de um lado para o ouro miseravelmente em seu cercado, outro animal parece tão fraco que está simplesmente jogado no chão.

Havia mais dois ursos enjaulados no mesmo local, de acordo com o relatório.

Ginevich apontou que os dois ursos foram deixados em condições horríveis.

Suas jaulas estavam imundas e um deles parecia ter algo de errado em um dos seus olhos.

Grinevich disse: “Quando chegamos ao estacionamento, os funcionários nem sabiam que havia ursos lá”.

Um dos ursos tinha algo de errado com seu olho.

Ela alegou que o circo ao qual os ursos pertenciam tinha falido.

As criaturas foram então provavelmente abandonadas nesse local.

A mídia local reportou que ativistas dos direitos dos animais suspeitaram que os trailers trancados no estacionamento também pudessem conter animais abandonados, apesar de não ter sido reportado se alguém os checou.

Alega-se que o circo que possuía os ursos faliu.

O internauta Viktor Egorovich disse: “Onde estão os comentários da polícia? Eles encontraram os administradores do circo”?

Não há nenhum comentário reportado pela polícia.

Por Zoey McDougall / Tradução de Alice Wehrle Gomide

Fonte: Mirror 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.