Rain foi apresentada antes de um jogo de futebol e terminou adotada

Rain foi apresentada antes de um jogo de futebol e terminou adotada
Entrada em campo.

Não é inédito, mas continua a resultar. E, como se costuma dizer, em equipa vencedora não se mexe. Por isso, de vez em quando surgem jogadores em campo, antes de uma partida de futebol, a desfilar com cães que estão para adoção. Foi o caso, no passado dia 11, quando a equipa do Real Sport Clube, equipa de Massamá (Sintra, Portugal) que participa na Liga 3, entrou em campo – antes do jogo com a Académica – com patudos que esperam por uma família.

Os patitas que pisaram o relvado para mostrarem os seus dotes caninos foram alguns seniores do Sítio dos Animais de Sintra – antigo canil – e cinco cachorras da associação Patas Errantes. Uns a começarem a conhecer o mundo, outros já com a experiência dos anos no olhar. E o desfile deu bons frutos, já que uma das bebezolas foi adotada.

“As cinco meninas da mamã Rebeca foram estrelas, junto com outros cãopanheiros do Sítio dos Animais de Sintra, numa ação de sensibilização para a adoção de animais no Real Sport Clube – Futebol de Massamá. Lindos, bem cãoportados e com direito a descanso depois de uma manhã animada”, contou a Patas Errantes ao descrever o evento.

E quem é a mamã Rebeca? É uma cruzada de Pastor Belga, que foi vítima de maus tratos e negligência extrema. Os “rebequinhos” – designação carinhosa dada pela associação aos filhotes, “cinco meninas e dois meninos” – “chegaram com ela muito pequeninos e, longe de riscos, cresceram no abrigo de forma natural criados por ela”.

Rain já tem um lar.
Rain já tem um lar.

Um jogo que deu frutos fora de campo

Os filhos de Rebeca têm agora três meses e as cinco cadelitas, que serão de porte grande, foram a campo mostrar a sua beleza. E uma delas, a Rain, encantou uma família – que já lhe deu um lar. E não foi para longe, já que “vai permanecer por Sintra”, diz a Patas Errantes à Pit. “Foi a participação dela que terminou com a sua adoção”, conta a associação com alegria.

Se quiser conhecer os patudos para adoção na Patas Errantes e no Sítio dos Animais de Sintra, marque uma visita. Quem sabe se não sai de lá com um novo amigo?

Percorra a galeria para ver fotos do dia do jogo e da apresentação da equipa humana e canina.

Por Alexandra Ferreira

Fonte: Pit / mantida a grafia lusitana original

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.